Atlético

ATLÉTICO

Marcos Rocha provoca São Paulo após mais um gol originado em cobrança de lateral

Jogador ressalta jogada treinada por Oswaldo de Oliveira

postado em 12/10/2017 01:52 / atualizado em 12/10/2017 15:03

Juarez Rodrigues/EM/D.A Press

Parecia 2013, mas é 2017. Mais uma vez, o São Paulo foi vítima de uma cobrança de lateral de Marcos Rocha. Se naquela época, o atleticano encontrou Ronaldinho livre para dar o passe para Jô marcar o primeiro gol do Galo na Libertadores, desta vez ele achou Valdívia, que foi derrubado por Bruno Alves dentro da área. Na cobrança do pênalti, Fábio Santos marcou o único gol da vitória por 1 a 0, que deixou o Alvinegro mais perto do G-7, grupo que disputará a competição continental no próximo ano.


“Ali já estava guardado há muito tempo. O Oswaldo pediu para tentar surpreender o adversário com o lateral e o São Paulo mais uma vez caiu nessa jogada”, disse o lateral-direito.

Naquela estreia de Libertadores, com Independência lotado, aos 12 minutos, Ronaldinho aproveitou a pausa na partida e pediu água ao goleiro Rogério Ceni. Após entregar a garrafa ao goleiro, o camisa 10 se deslocou livre pelo lado direito. Marcos Rocha observou e conseguiu fazer o lançamento para o meia dominar e cruzar para Jô marcar o gol. O Galo venceu por 2 a 1, com Réver, em nova assistência de Ronaldinho, marcando o segundo gol. Aloísio diminuiu.

Como ressaltou Marcos Rocha, Oswaldo de Oliveira tem utilizado os treinamentos para trabalhar jogadas de bola parada. Em um dia, dividiu a equipe em quatro grupos e todos eles treinaram diferentes situações originadas em cobranças de lateral. Nesta noite, o trabalho do treinador apareceu e ajudou o Galo a garantir mais três pontos no Campeonato Brasileiro.

Para Rocha, o Atlético agora precisa continuar com essa pegada apresentada no duelo contra o São Paulo para conquistar novas vitórias e se aproximar do objetivo final da temporada, que é garantir uma vaga na Copa Libertadores 2018.

“A marcação em cima, a pressão. A gente não estava conseguindo fazer isso e o Oswaldo ajustou alguns detalhes, para que o meio-campo se aproximasse do ataque. Isso deu certo e a gente fez gol. É continuar com essa pegada, manter o padrão, para que a gente possa estar evoluindo e buscar nosso objetivo”, concluiu.

Tags: ronaldinho gaúcho fábio santos marcos rocha campeonato brasileiro valdívia lateral gol brasileirão interiormg seriea galo atlético