Você está em MG

6 a 1

Goleada histórica do Cruzeiro sobre o Atlético completa um ano nesta terça-feira

No dia 4 de dezembro de 2011, Raposa venceu arquirrival de maneira esmagadora e sepultou qualquer possibilidade de rebaixamento à Série B da temporada seguinte

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 04/12/2012 20:51 / atualizado em 05/12/2012 10:06

Rafael Arruda /Superesportes

Arquivo/EM

VEJA MAIS IMAGENS DA GOLEADA HISTÓRICA SOBRE O GALO

Há exatamente um ano, o Cruzeiro aplicou a maior goleada da história dos clássicos válidos pelo Campeonato Brasileiro. Na Arena do Jacaré, o time celeste bateu o Atlético por 6 a 1 e se livrou do rebaixamento à Série B em grande estilo. O jogo em que a Raposa garantiu a vitória esmagadora sobre o arquirrival contou com um público de 18,5 mil pagantes no estádio de Sete Lagoas.

O Cruzeiro chegou à última rodada do Campeonato Brasileiro ameaçado pelo risco de queda à Segunda Divisão. O time estrelado havia perdido a chance de eliminar tal possibilidade após ceder o empate contra o Ceará (2 a 2) nos últimos minutos, em Fortaleza. O Atlético, por sua vez, havia garantido sua permanência na Série A na rodada anterior - venceu o Botafogo, em Sete Lagoas, por 4 a 0.

Com a necessidade de vitória a qualquer custo, o Cruzeiro partiu para cima desde o início do jogo e abriu o placar aos nove minutos. Anselmo Ramon arrancou pela direita, cruzou em meia altura e Roger apareceu para finalizar ao gol: 1 a 0.

O segundo e terceiro gols do Cruzeiro foram assinalados por Leandro Guerreiro e Anselmo Ramon. Aos 28', o camisa 8 celeste escorou cruzamento de Roger para ampliar a vantagem. Cinco minutos depois, foi a vez de Anselmo aproveitar a boa jogada de Wellington Paulista pela linha de fundo e girar sobre Leonardo Silva para fazer 3 a 0.

Aos 45 minutos, Fabrício arrancou pelo lado esquerdo e, livre de marcação, finalizou rasteiro no canto de Renan Ribeiro para transformar o resultado do clássico em goleada ainda no primeiro tempo: 4 a 0.

Praticamente com a vitória assegurada, o Cruzeiro não aliviou a pressão e seguiu em busca de mais gols no segundo tempo. Nessa etapa, o time celeste conseguiu balançar a meta atleticana por duas vezes – Wellington Paulista, aos 11, e Everton, aos 45 minutos - e finalizou o jogo em 6 a 1, já que o zagueiro Réver, aos 15', fez o gol de honra do Atlético.

CRUZEIRO 6 X 1 ATLÉTICO


Cruzeiro: Rafael; Léo, Naldo e Victorino; Fabrício, Leandro Guerreiro, Charles (Farías), Roger (Ortigoza) e Diego Renan; Wellington Paulista e Anselmo Ramon (Everton)
Técnico: Vágner Mancini

Atlético: Renan Ribeiro; Serginho (Magno Alves), Réver, Leonardo Silva (Werley) e Richarlyson; Pierre, Filipe Soutto, Carlos César e Daniel Carvalho; Bernard e André
Técnico: Cuca

Motivo: 38ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Arena do Jacaré, Sete Lagoas-MG
Data: 04 de dezembro de 2012 (domingo)
Gols: Roger aos 9', Leandro Guerreiro aos 28', Anselmo Ramon aos 33', e Fabrício aos 45 minutos do primeiro tempo; Wellington Paulista aos 11', Réver aos 15' e Everton aos 45 minutos do segundo tempo
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique/RJ (Fifa)
Cartões amarelos: Leandro Guerreiro, Roger, Anselmo Ramon e Charles (Cruzeiro); Pierre e Richarlyson (Atlético)
Cartões vermelhos: Wellington Paulista (Cruzeiro); Werley (Atlético)
Público: 18.500 pagantes
Renda: R$ 258.564,50