Cruzeiro: venda de bebida alcoólica é liberada na Arena do Jacaré

Decisão foi tomada às vésperas do duelo da Raposa com o Operário-PR

14/09/2021 18:29 / atualizado em 14/09/2021 20:48
compartilhe
Torcedor do Cruzeiro poderá consumir cerveja nos bares da Arena do Jacaré
foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press

Torcedor do Cruzeiro poderá consumir cerveja nos bares da Arena do Jacaré



A Prefeitura de Sete Lagoas decidiu, nesta terça-feira, liberar a venda de bebida alcoólica na Arena do Jacaré, estádio que passou a receber jogos do Cruzeiro na Série B do Campeonato Brasileiro.

A decisão foi tomada pelo prefeito Duílio de Castro Faria às vésperas do jogo entre Cruzeiro e Operário-PR, que se enfrentam no estádio nesta quinta-feira, às 19h, pela 24ª rodada da competição nacional.

"O comitê liberou a venda de cerveja dentro do estádio até o fim do intervalo do primeiro para o segundo tempo. Todas as regras da Vigilância Sanitária já foram apresentadas ao Cruzeiro, inclusive com apontamento de correções quanto aos bares, tendo em vista a partida contra a Ponte Preta realizada no último sábado, 11 de setembro", diz a nota.

Torcida do Cruzeiro no retorno à Arena do Jacaré

Com a decisão, Sete Lagoas segue um protocolo já adotado pela Prefeitura de Belo Horizonte. No último dia 9, o Executivo municipal da capital também autorizou a comercialização de bebidas alcoólicas nos jogos realizados no Independência e no Mineirão. 

No caso de BH, a medida visa diminuir as aglomerações do lado de fora dos estádios em dias de partidas com público. No último sábado, quando o Cruzeiro venceu a Ponte Preta por 1 a 0 na Arena do Jacaré, também foi possível observar aglomeração fora do estádio de Sete Lagoas

Bloqueio de ruas do entorno


Outra novidade visando à maior organização da partida entre Cruzeiro e Operário, nesta quinta-feira, será a criação de bloqueios para evitar justamente essas aglomerações no entorno da Arena do Jacaré. "A Guarda Municipal e a Polícia Militar vão proibir o trânsito de veículos em várias ruas no entorno do estádio. Apenas torcedores com ingresso terão acesso", informou a Prefeitura de Sete Lagoas.

Além do jogo diante do Operário, o Cruzeiro estuda transferir outras partidas do returno da Série B para Sete Lagoas. Diferentemente do Mineirão, que deu prejuízo mesmo com a presença dos torcedores, na Arena do Jacaré o time celeste conseguiu lucrar recebendo seus torcedores

Capacidade


Para o jogo entre Cruzeiro e Operário, a Prefeitura de Sete Lagoas decidiu manter a liberação de 30% da capacidade da Arena do Jacaré. Assim como ocorreu na partida do time celeste contra a Ponte Preta, no sábado, a comercialização será limitada a 5.452 bilhetes. Pelo laudo vigente, o estádio comporta 18.184 torcedores.

Para eventuais próximos jogos do Cruzeiro na Arena do Jacará, a venda será ampliada para 40% da capacidade total: 7.273 ingressos.

Leia, a seguir, a nota da Prefeitura de Sete Lagoas sobre a venda bebida alcoólica na Arena do Jacaré e o protocolo sanitário para o jogo entre Cruzeiro e Operário:

ARENA DO JACARÉ

Para o próximo jogo do Cruzeiro, que será realizado às 19 horas desta quinta-feira, 16 de setembro, a capacidade da Arena do Jacaré foi mantida em 30% (5.452 torcedores) de acordo com laudo técnico que considera a capacidade máxima do estádio em 18.184 torcedores. A decisão seguiu uma recomendação das forças de segurança sob alegação de que o curto espaço de tempo não permitiria o contingenciamento de efetivo para o aumento de público. Porém, para uma futura partida da equipe celeste em Sete Lagoas, será liberada 40% da capacidade da Arena. 

O comitê também liberou a venda de cerveja dentro do estádio até o fim do intervalo do primeiro para o segundo tempo. Todas as regras da Vigilância Sanitária já foram apresentadas ao Cruzeiro, inclusive com apontamento de correções quanto aos bares, tendo em vista a partida contra a Ponte Preta realizada no último sábado, 11 de setembro. 

Ainda para evitar aglomeração no entorno da Arena do Jacaré, a Guarda Municipal e a Polícia Militar vão proibir o trânsito de veículos em várias ruas no entorno do estádio. Apenas torcedores com ingresso terão acesso. 

A utilização de máscara continua obrigatória e, seguindo os protocolos das entidades que coordenam as competições de futebol, os frequentadores devem apresentar comprovação de vacinação completa (duas doses ou dose única há no mínimo 15 dias) ou teste impresso RT-PCR / teste rápido com resultado negativo (os comprovantes serão recolhidos) para Covid até 72 horas antes do evento


Compartilhe