UAI


Diante da torcida, Sport vence Juventude e segue vivo na luta contra o Z4

José Welison, Mikael e Chico marcaram para os mandantes, enquanto Paulinho Boia, de pênalti, diminuiu para os visitantes

06/10/2021 21:26
compartilhe
José Welison, Mikael e Chico marcaram para os mandantes, enquanto Paulinho Boia, de pênalti, diminuiu para os visitantes
foto: Sport/divulgação

José Welison, Mikael e Chico marcaram para os mandantes, enquanto Paulinho Boia, de pênalti, diminuiu para os visitantes



O Sport conseguiu duas vitórias consecutivas pela primeira vez neste Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira, o Leão derrotou o Juventude por 3 a 1, pela 24ª rodada da competição nacional, na Arena Pernambuco. A partida ainda marcou o reencontro do time de Recife com o torcedor rubro-negro.

José Welison, Mikael e Chico marcaram para os mandantes, enquanto Paulinho Boia, de pênalti, diminuiu para os visitantes. Com o resultado, o Sport chegou a 23 pontos, um a menos que o Santos, primeiro time fora da zona de rebaixamento. O Peixe, no entanto, tem dois jogos a menos que o Leão. Já o Juventude segue na 15ª posição com 27 pontos.

O Sport volta a campo no sábado para enfrentar o Corinthians, às 16h30 (de Brasília), novamente na Arena Pernambuco. No mesmo dia, o Juventude recebe o América-MG, às 21 horas, no Alfredo Jaconi.

O jogo - Vindo de triunfo sobre o Grêmio em Porto Alegre, o Sport buscava um bom resultado para seguir vivo na luta contra a zona de rebaixamento. No entanto, foi o Juventude que criou as primeiras oportunidades. Capixaba, em cobrança de falta desviada por Mikael, e Guilherme Castilho levaram perigo.

O Leão respondeu com Hernanes, em chute rasteiro que passou perto. Aos 35 minutos do primeiro tempo, José Welison aproveitou cruzamento da direita de Everaldo para área e cabeceou forte para abrir o placar.

Na segunda etapa, o técnico Marquinhos Santos fez três alterações no Juventude. As mudanças não deram certo, e o Sport ampliou logo aos três minutos. José Welison recebeu pela direita, arrancou em velocidade e cruzou na medida para Mikael, que, sozinho dentro da área, bateu de primeira de canhota para superar Douglas Friedrich.

O próprio Mikael chegou a balançar a rede visitante novamente, mas estava impedido quando recebeu lançamento de Hernanes. Pouco depois, o Juventude quase diminuiu com Paulinho Boia, que recebeu de Wescley, pedalou para cima da marcação e chutou colocado no travessão.

Dos 15 aos 23 minutos do segundo tempo, o Sport dominou por completo as ações do jogo. Everaldo tirou tinta da trave em finalização rasteira de pé esquerdo. José Welison quase marcou mais uma vez ao arrancar em velocidade e bater colocado, mas Douglas Friedrich fez boa defesa. O período de amplo domínio terminou com o gol de Chico, em desvio de cabeça após cobrança de falta de Sander.

O Juventude diminuiu aos 34, em cobrança de pênalti. Michel invadiu a área pela direita e foi derrubado por Chico. Paulinho Boia chutou forte no canto direito de Mailson, que até tocou na bola, e deu números finais ao jogo.

No fim, Douglas Friedrich realizou um curativo na cabeça e precisou deixar o campo. Sem ter mais substituições disponíveis, o Juventude precisou improvisar o lateral-esquerdo William Matheus como goleiro. O camisa 66 foi pouco exigido na nova posição e fez apenas uma defesa tranquila.

SPORT 3 X 1 JUVENTUDE

SPORT: Mailson; Ewerton, Rafael Thyere, Sabino e Sander; Marcão Silva, José Welison e Hernanes (Pedro); Gustavo Oliveira (Chico), Mikael (Tréllez) e Everaldo (Paulinho Moccelin).
Técnico: Gustavo Florentín

JUVENTUDE : Douglas Friedrich; Michel Macedo, Vitor Mendes, Quintero e William Matheus; Dawhan, Jadson (Wescley) e Guilherme Castilho (Ricardinho); Capixaba (Paulinho Boia), Sorriso (Wagner) e Roberson (Nicolas Castillo).
Técnico: Marquinhos Santos

GOLS:
SPORT: José Welison, aos 35 minutos do 1ºT; Mikael, aos 3, e Chico, aos 23 minutos do 2ºT
JUVENTUDE: Paulinho Boia, aos 34 minutos do 2ºT

Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Data: 6 de outubro de 2021, quarta-feira
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
VAR: Wagner Reway (PB)
Cartões amarelos: Everaldo e Hernanes (Sport); Michel e Wagner (Juventude)

Compartilhe