América

AMÉRICA

Com sete gols sofridos, América tem segunda melhor defesa da Série B

Zaga alviverde tem se destacado no início da competição nacional

postado em 30/09/2020 07:00 / atualizado em 30/09/2020 01:25

(Foto: Mourão Panda/América)
O setor defensivo do América tem se destacado positivamente no início desta Série B do Campeonato Brasileiro. Com sete gols sofridos em 12 rodadas, a defesa alviverde é a segunda melhor da competição, ao lado do Brasil de Pelotas
 
Apenas a Chapecoense é melhor nesse quesito. O Verdão do Oeste sofreu apenas quatro gols na Segundona até aqui. Há de se ressaltar que o time do interior catarinense tem dois jogos a menos.

Ataque precisa de evolução

 
Se a defesa do América se destaca pelo baixo número de gols vazados na competição, o ataque, por sua vez, tem enfrentado problemas. A equipe alviverde marcou apenas nove gols nesta Série B - um a menos do que o Sampaio Corrêa, na zona de rebaixamento, com oito pontos. 
 
“O nosso número de gols é baixo. [...] Nós temos o ataque menos eficaz das 14 equipes da frente, mas mesmo assim estamos brigando na ponta de cima da tabela. É uma situação que precisamos melhorar muito, senão vamos ficar ali sempre entrando e saindo (do G4), enquanto alguns times já estão desgarrando. Temos que melhorar muito e discutir como vamos resolver essa situação que está nos incomodando e nos fazendo perder alguns pontos”, analisou Lisca após o empate sem gols com o CRB, em Maceió, pela 12ª rodada.
 
No entanto, o aproveitamento ofensivo do Coelho na competição não faz jus ao volume de jogo apresentado pelo Alviverde durante as partidas. De acordo com a plataforma SofaScore, o América é o time que mais criou oportunidades nesta Série B ao lado da Ponte Preta: 19. 
 
A equipe americana, porém, não conseguiu aproveitar as boas chances criadas nos últimos três jogos da Segundona. O Coelho foi superado por 1 a 0 pelo Figueirense, na 10ª rodada, e ainda soma dois empates sem gols com a Chapecoense e o CRB, na 11ª e 12ª rodadas, respectivamente.
 

Lesões atrapalham rendimento  

 
O alto número de lesões é outro fator que tem atrapalhado o rendimento ofensivo do América. A última delas foi a do atacante Rodolfo, artilheiro do time alviverde no ano, com 10 gols. Ele sentiu um incômodo na coxa direita durante o empate sem gols com a Chape, em jogo válido pela 11ª rodada da Série B.
 
“A gente está buscando a solução, trabalhando muito para buscar uma melhor alternativa, perdemos muitos jogadores no ataque por conta de lesão e por necessidade, ainda não conseguimos achar essa eficácia para termos um melhor aproveitamento das nossas oportunidades, o que nos daria uma pontuação mais tranquila e fidedigna da nossa produção", completou Lisca.
 
Na tentativa de se recuperar na Série B, o América voltará a campo contra o Guarani, no sábado (3), às 11h, no Independência, pela 13ª rodada da competição.

Tags: serieb americamg interiormg