Amistoso

Seleção Olímpica faz primeiro treino em Brasília para amistoso contra Estados Unidos

Equipe sub-23 do Brasil joga nesta segunda-feira, às 19h, no Mané Garrincha

postado em 11/10/2014 20:50

Maíra Nunes - Especial para o Correio

A Seleção Olímpica fez o primeiro treino em Brasília na noite deste sábado (11/9). Mas os jogadores nem chegaram a pisar no gramado. Fizeram apenas uma série de atividades físicas no ginásio do Centro de Capacitação Física do Corpo de Bombeiros. Neste domingo, às 19h15, a equipe faz o reconhecimento do gramado do Mané Garrincha para o amistoso contra os Estados Unidos, que ocorrerá às 19h desta segunda-feira.

Da equipe que venceu a Bolívia, na sexta-feira (10/10), haverá mudança apenas na posição do goleiro. Jacsson, do Internacional, dará lugar a Andrey, do Botafogo. "Como é mais difícil observar os goleiros, vamos dar oportunidade ao Andrey para entender o jogo dele. O resto do time não muda", antecipa o técnico Alexandre Gallo.

Apesar de assumir a braçadeira de capitão da equipe responsável por buscar uma medalha de ouro inédita nas próximas Olimpíadas, no Rio de Janeiro em 2016, o zagueiro Dória avalia positivamente a oportunidade de serem os "donos do time". "Nos clubes, sempre tem alguém mais velho para puxar a responsabilidade. Aqui, todo mundo se junta e divide essa pressão", comenta.

Nessa turma entra até o lateral Fabinho, do Mônaco, que saiu tão cedo do Brasil que fez a primeira partida como profissional no país com a camisa da Seleção diante da Bolívia. "Joguei em campinhos do Fluminense, mas não cheguei a atuar no time profissional. Fui direto para Portugal, depois Espanha e, agora, trabalho forte para ser convocado sempre que possível para a Seleção", conta.