Meu choro por Naomi Osaka (e bastidores da Abertura atípica)

Tenista japonesa é grande estrela da noite atípica no Estádio Olímpico de Tóquio

23/07/2021 15:05 / atualizado em 23/07/2021 15:10
compartilhe
Naomi Osaka acendeu a pira olímpica em Tóquio
foto: Jewel SAMAD / AFP

Naomi Osaka acendeu a pira olímpica em Tóquio



Naomi Osaka se acostumou a emocionar as pessoas sem dizer uma só palavra. No US Open, mandou duas mensagens potentes de uma só vez: usou máscaras contra a COVID-19 com homenagens a homens e mulheres negros assassinados nos Estados Unidos. Nas quadras, arranca suspiros com um talento incomum para tão pouca idade. E nesta sexta-feira, no Estádio Olímpico de Tóquio, levou tantos às lágrimas ao acender a pira olímpica.


Fui um desses tantos. A tenista japonesa é um símbolo da luta antirracista e incorpora com perfeição de que esporte, política e sociedade não apenas andam juntos - mas, por vezes, são uma coisa só. Posicionar-se é necessário, sobretudo quando se pode transformar visibilidade, publicidade e talento em mudança social.

Mas não pude secar as lágrimas. Afinal, são Jogos Olímpicos históricos e, em meio aos temores causados pelo coronavírus, levar a mão - ou a toalha, camisa, guardanapo, enfim - ao olho não é exatamente o mais recomendável. E os reflexos da pandemia foram o ponto mais marcante do evento de três horas e 43 minutos.

Os 68 mil lugares do suntuoso estádio reformado para a Olimpíada estavam quase todos vazios. Eram raros os que podiam ocupar: jornalistas, oficiais, patrocinadores e chefes de estado. A falta de público gerou uma situação inusitada: era possível escutar os barulhos que vinham dos arredores.

Quem estava dentro se limitou a aplaudir os grandes momentos (desde a aparição de Osaka até o espetáculo tecnológico dos drones). O vasto protocolo elaborado pela organização alertava que gritos e cantos estão proibidos, já que, quanto mais alto se fala, mais longe vai o coronavírus, o que aumenta também o potencial de infecção.

Acendimento da pira olímpica na cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio



Veja fotos do Time Brasil na cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio



Fotos da cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio


Compartilhe