Bahia

CAMPEONATO BRASILEIRO

América empata em casa com Bahia e pode perder posições no Brasileiro

Após saída de Mancini, Coelho fica no 0 a 0 e corre risco de voltar à 'área perigosa' próxima ao Z4

postado em 16/10/2021 22:46 / atualizado em 16/10/2021 23:02

(Foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
No primeiro jogo após a saída do técnico Vagner Mancini , que se transferiu para o Grêmio , o América não conseguiu retomar o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro . Sob o comando do auxiliar fixo Diogo Giacomini , o Coelho teve atuação pouco empolgante e empatou sem gols com o Bahia, neste sábado, no Independência , em Belo Horizonte, pela 27ª rodada da Série A. 

Com o resultado, o América fica na 11ª posição, com 32 pontos, mas corre o risco de perder até três posições até o complemento da rodada. Após sequência invicta de oito partidas, o time mineiro amarga o segundo jogo seguido sem triunfar no Brasileiro - vinha de derrota para o Internacional, em Porto Alegre -, e pode voltar a figurar próximo da zona do rebaixamento.  Já o Bahia está em 15º lugar, com 28 pontos. 

Na próxima rodada, o América desafia o Santos na Vila Belmiro, no sábado que vem (23/10), às 17h. O Peixe é o atual 17º colocado e também luta para evitar o rebaixamento à Série B.  O compromisso seguinte do Bahia é contra a lanterna Chapecoens e, um dia depois, às 20h30, na Fonte Nova, em Salvador. 

O jogo 


O América propôs o jogo no primeiro tempo e teve as principais chances em sequência para abrir o placar no Horto. Aos 18 minutos, Ademir aproveitou cruzamento de Alê e cabeceou no canto direito, mas o zagueiro Nino salvou. No complemento do lance, Fabrício também tentou de cabeça, e Conti afastou o perigo. O Bahia respondeu aos 22 minutos: Raí lançou da ponta direita para a área e achou Juninho Capixaba, que bateu de primeira. Matheus Cavichioli saltou no ângulo direito e fez ótima defesa, espalmando a escanteio. 

O Coelho voltou para o segundo tempo com mudança no ataque: Rodolfo no lugar de Felipe Azevedo. Com a bola mais presa no campo do adversário, o Coelho chegou com perigo aos sete minutos. Livre de marcação, Ademir recebeu cruzamento de Juninho e cabeceou para o gol, mas mandou por cima, desperdiçando excelente oportunidade. 

Com dificuldades na criação de jogadas, o América contou mais uma vez com o brilho de Matheus Cavichioli. Aos 13 minutos, após levantamento para a área, Gilberto desviou de cabeça, e o goleiro americano salvou. O Coelho seguiu sem efetividade no ataque. O lance de maior perigo saiu em cobrança de falta de Patric, aos 35 minutos. Danilo Fernandes, no cantinho direito, fez boa defesa. 

América 0 x 0 Bahia


América: Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Marlon (João Paulo); Lucas Kal (Zé Ricardo), Juninho e Alê; Ademir, Felipe Azevedo (Rodolfo) e Fabrício Daniel (Bruno Nazário). Técnico: Diogo Giacomini. 

Bahia: Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick, Daniel (Ronaldo César), Raí (Rodriguinho), Lucas Mugni (Raniele) e Juninho Capixaba (Isnaldo); e Gilberto (Rodallega). Técnico: Guto Ferreira. 

Cartões amarelos: Marlon (América); Lucas Mugni e Conti (Bahia)

Motivo: 27ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Data: sábado, 16 de outubro de 2021
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte
Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)
Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Cipriano da Silva Sousa (TO)
VAR: Rafael Traci (SC)

Tags: américa interiormg seriea bahiaba