Botafogo

CAMPEONATO BRASILEIRO

Fortaleza confia na reestreia do técnico Rogério Ceni para superar o Botafogo

Partida será disputada nesta segunda, às 20h, no Castelão

postado em 30/09/2019 06:30 / atualizado em 30/09/2019 09:14

<i>(Foto: Bruno Oliveira / Fortaleza EC)</i>

Sem vencer há quatro rodadas no Campeonato Brasileiro, com um empate e três derrotas, o Fortaleza tentará reagir nesta segunda-feira, quando recebe o Botafogo na Arena Castelão, a partir das 20 horas, pela 22.ª rodada. Confirmado oficialmente como novo técnico neste domingo, Rogério Ceni já estará no banco de reservas para dar sequência ao trabalho que interrompeu em agosto ao aceitar uma proposta do Cruzeiro, clube do qual foi demitido na última quinta.

O retorno dele foi articulado para suprir a saída de Zé Ricardo, dispensado na última sexta-feira, horas depois da derrota por 4 a 1 para Athletico-PR, resultado que deixou o Fortaleza na 15.ª colocação com 22 pontos, a três da zona de rebaixamento. Quando se transferiu para o Cruzeiro, Rogério Ceni entregou o time em 14.º lugar com 14 pontos, a quatro da degola.

O técnico não ficou tanto tempo fora, mas foi o suficiente para que algumas mudanças ocorressem no Fortaleza. Ele vai encontrar, por exemplo, opções que não tinha no elenco durante a primeira passagem, como o meia Matheus Vargas e os zagueiros Adalberto, Jackson e Paulão. Se os nomes citados são novidades, os outros já estão familiarizados e reagiram positivamente ao anúncio da troca de comando.

"Ainda no hotel em Curitiba eu conversei com Zé Ricardo, marquei uma reunião com os jogadores e comuniquei a decisão. Comuniquei que a nossa escolha era o Rogério Ceni, de forma muito clara, e senti no semblante deles uma receptividade. O grupo, sem dúvida alguma, vai acolher o Rogério de braços abertos", disse o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, em entrevista coletiva.

Rogério Ceni se apresentou neste domingo e fez um único treinamento antes da reestreia pelo time cearense. Antes disso, Marconne Montenegro, técnico do sub-20, foi o encarregado de comandar os trabalhos. A tendência é que a escalação não sofra mudanças. Com Felipe Alves entregue ao departamento médico para se recuperar de uma lesão na coxa esquerda, Marcelo Boeck continua como titular no gol. O resto é mostrar ao chefe que ainda dá tempo de fazer uma boa campanha no Brasileirão.

Tags: fortalezace botafogorj seriea futebol