UAI


Jô nega participação em festa clandestina após jogo do Corinthians

Experiente atacante foi o autor do gol alvinegro no empate contra o Fluminense

28/06/2021 13:07
compartilhe
Jô se disse triste com a situação e explicou o fato
foto: Reprodução/Redes sociais

Jô se disse triste com a situação e explicou o fato

O atacante , do Corinthians, explicou nesta segunda-feira que não quebrou o protocolo de saúde do clube e negou ter participado de uma festa clandestina após o jogo no Rio de Janeiro contra o Fluminense. Segundo o atacante, ele apenas deixou uma camisa sua com um amigo e logo em seguida se dirigiu para casa.

O repórter Caique Silva, da Jovem Pan, divulgou um vídeo em seu Twitter na qual Jô está acompanhado com uma mulher, sem máscara, às 5h30. Segundo o jornalista, o atacante do Timão estava frequentando uma festa clandestina.

Jô negou essa versão e se disse triste com a situação. O experiente atacante foi o autor do gol alvinegro no empate do Corinthians contra o Fluminense e se tornou o maior artilheiro do Timão no século.

Em contato com a Gazeta Esportiva, o Corinthians informou que conversou com o atleta e aceitou a explicação do jogador. Jô treinou normalmente nesta manhã e o Timão não se manifestará publicamente sobre o tema.
 


Confira o depoimento de Jô:

"Esclarecendo a situação, deixo bem claro que saí do clube depois do jogo do Rio de Janeiro, passei pelo posto de gasolina, abasteci meu carro, entreguei a camisa para um amigo meu, que já vinha me pedindo e a amiga dele foi buscar. Entreguei para ela e fui para casa. Tá tudo tranquilo, hoje pela manha fiz meu compromisso, fiz meu regenerativo e a vida segue. Muita gente falando um monte de coisa, a gente fica triste por isso, mas a verdade está aí".

Compartilhe