UAI

2

Corinthians sofre, mas vence Fortaleza e assume liderança do Brasileirão

Corinthians agora torce contra o Santos para manter a ponta de cima da tabela do Brasileiro

01/05/2022 18:20
compartilhe
Corinthians bateu o Fortaleza em casa e assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro
foto: José Manoel Idalgo/Corinthians

Corinthians bateu o Fortaleza em casa e assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro

O Corinthians não conseguiu repetir a boa atuação apresentada diante do Boca Juniors pela Libertadores, mas venceu o Fortaleza neste domingo, por 1 a 0, com gol contra, em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, na Neo Química Arena.

Com o resultado, o Timão chegou à liderança da competição, com nove pontos conquistados, enquanto o Leão segue sem somar nenhum ponto, na lanterna. O Santos pode chegar à primeira colocação na rodada caso vença o São Paulo nesta segunda.

O primeiro tempo começou bastante movimentado e aberto, com um gol anulado para cada lado, mas o Leão quem conseguiu chegar com mais perigo - foram 11 chutes contra um, com três defesas difíceis de Cássio. No retorno do intervalo, com mudança tática com a entrada de Raul Gustavo, Matheus Jussa fez contra e deixou o Timão na frente. Depois, os donos da casa melhoraram, mas o placar não foi alterado.

Na próxima rodada, no domingo, o Alvinegro visita o RB Bragantino, às 18h (de Brasília), no Nabizão. Já o Fortaleza recebe o São Paulo no mesmo dia, mas às 19h (de Brasília), no Castelão. Antes disso, porém, as equipes têm duelos pela Libertadores durante a semana, contra Deportivo Cali e River Plate, respectivamente.

O jogo - O Corinthians iniciou a partida com maior posse de bola e tentando chegar pelos lados - Willian ficou na direita e Guedes na esquerda, como ele prefere.

Aos sete minutos, Gil inverteu bonito para Rafael Ramos, que passou na frente para Willian. O camisa 10 cruzou para dentro da área, encontrando Júnior Moraes no chão. Ele levantou e estufou as redes, mas a arbitragem anulou o tento, pois o centroavante utilizou a mão.

A resposta veio aos 12, com uma finalização de fora da área de Jussa, rasteiro, para boa defesa de Cássio. Pouco depois, outra chegada do Leão, dessa vez com Juninho Capixaba, que recuperou a bola e chutou por cima do gol.

Em recuada perigosa a Cássio, aos 16, o Fortaleza novamente conseguiu ficar com a bola e só não saiu gol por falta de pontaria. Na sequência, Júnior Moraes conseguiu boa jogada pela direita e passou para Willian, que caminhou com a bola até a entrada da área e sofreu falta.

O Alvinegro seguiu pressionando no campo de ataque após sofrer alguns sustos, como na tabela entre Paulinho, Guedes e Renato, mas a defesa conseguiu tirar. Na sequência, aos 22, Romero estufou as redes após rebote de Cássio em chute de Moisés, mas foi marcado o impedimento. O arqueiro apareceu de novo aos 25, em nova finalização de fora da área, dessa vez em chute de Hércules.

Paulinho precisou ser substituído aos 28 minutos após sentir uma lesão. Du Queiroz entrou em seu lugar e voltou a fazer dupla com Maycon e Renato mais à frente. O Leão, porém, seguiu pressionando e dominando as ações, como aos 36, com Moisés, que chutou bem rente à trave, de frente para o gol. Já partindo para o final do primeiro, Róger Guedes sofreu uma falta perigosa pelo lado esquerdo, cobrado pelo próprio camisa 9, direto para o gol, para defesa de Max. Antes do apito, Cássio ainda ficou com a bola em chute de Moisés.

No intervalo, Vítor Pereira tirou Renato Augusto e colocou o zagueiro Raul Gustavo, mudando o esquema tático da equipe. A partida reiniciou intensa, com um lance de perigo para cada lado. Mesmo errando alguns passes, foi o Timão quem abriu o marcador após cobrança de escanteio curta de Róger Guedes para Júnior Moraes, que cruzou e Matheus Jussa fez contra. Hércules, na sequência, obrigou uma nova defesa de Cássio.

Já depois dos 21 minutos, Max Walef realizou uma ótima (e quase impossível) defesa em cabeçada de Gil, após cobrança de escanteio, evitando o segundo gol corintiano. Aos 29, após cruzamento de Willian pela direita, Mantuan cabeceou, mas a bola foi por cima do gol. Quase na sequência, o camisa 31 tabelou com Jô e, atrapalhado pela defesa, acabou chutando para fora. O Leão ainda tentou no final, mas o placar não foi alterado.

CORINTHIANS 1 x 0 FORTALEZA

Corinthians
Cássio; Rafael Ramos, João Victor, Gil e Lucas Piton; Maycon, Paulinho (Du Queiroz) e Renato Augusto (Raul Gustavo); Willian (Gustavo Silva), Róger Guedes (Jô) e Júnior Moraes (Mantuan). Técnico: Vítor Pereira

Fortaleza
Max Walef; Tinga, Marcelo Benevenuto, Ceballos; Pikachu (Depietri), Hércules (Matheus Vargas), Felipe (Lucas Lima), Matheus Jussa; Juninho Capixaba, Moisés (Romarinho) e Silvio Romero (Robson). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Gol: Matheus Jussa (gol contra), aos sete minutos do segundo tempo (Corinthians)
Cartões amarelos: Felipe, Matheus Vargas e Ceballos (Fortaleza); Willian (Corinthians)

Público: 37.018 pessoas
Renda: R$ 2.510.888,10

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)
Data: 1º de maio de 2022 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (FIFA-DF)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (FIFA-BA) e Lucas Costa Modesto (DF)
VAR: Rafael Traci (SC)

Compartilhe