Coritiba

SÉRIE A

Internacional fica no empate em casa contra o Coritiba e tem a liderança ameaçada

Colorado ficou duas vezes na frente do placar, mas acabou cedendo empate

postado em 08/11/2020 18:27 / atualizado em 08/11/2020 22:22

(Foto: Internacional/Divulgação)
O Internacional ficou duas vezes na frente do placar, mas não conseguiu segurar a vantagem e chegou ao terceiro jogo sem vitória neste domingo ao empatar contra o Coritiba por 2 a 2, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com 36 pontos, o Internacional tem a liderança ameaçada, pois pode ser ultrapassado pelo Flamengo, que neste domingo enfrenta o Atlético-MG, em Belo Horizonte. O empate na estreia do técnico Rodrigo Santana fez o Coritiba chegar aos 20 pontos e deixar a zona de rebaixamento.

A partida começou morna e a primeira oportunidade foi criada pelo Coritiba aos 15 minutos. Após um erro de saída de bola, Robson rolou para Ricardo Oliveira, que, com o goleiro Marcelo Lomba já caído, finalizou na trave.

O lance acordou o Internacional. Em dois cruzamentos seguidos - cada um de um lado - faltou alguém para empurrar a bola para o fundo das redes. A história poderia ser outra se o artilheiro Thiago Galhardo não fosse expulso nos acréscimos diante do Corinthians.

Aos 20 minutos, Heitor cruzou e Patrick cabeceou rente à trave de Wilson. A bola era toda do Internacional - mais de 80% -, mas faltava ser mais agressivo. Até que, aos 33, Yuri Alberto abriu o placar. O atacante aproveitou cruzamento de Heitor e desviou de cabeça para o gol.

Depois da bola na trave de Ricardo Oliveira, o Coritiba só foi chegar com perigo aos 40 minutos. Neílton cobrou falta para dentro da área, a bola foi desviada no meio do caminho e Marcelo Lomba fez a defesa.

O Internacional voltou desatento do intervalo e sofreu o empate logo aos dois minutos. Giovanni Augusto tabelou com Neílton e bateu no canto de Marcelo Lomba. Na sequência, com a ajuda do VAR, o árbitro expulsou o lateral-direito Heitor por pisão em Robson.

Mesmo com um a menos, o time gaúcho voltou a ficar na frente do placar aos 13 minutos. Patrick teve o chute travado por Rodolfo Filemon e a bola sobrou para Nonato, que havia acabado de entrar O volante bateu rasteiro no canto de Wilson.

Quem esperava que o Coritiba aproveitaria a superioridade numérica, viu o Internacional melhorar após a expulsão de Heitor Patrick acertou a trave e Abel Hernández mandou na rede pelo lado de fora.

Insatisfeito, o estreante técnico Rodrigo Santana fez três alterações de uma vez só no Coritiba. As chances desperdiçadas custaram caro para o Internacional. Giovanni Augusto cobrou escanteio na primeira trave e Sabino deu um leve desvio de cabeça para tirar de Marcelo Lomba e deixar tudo igual. O time gaúcho pressionou nos minutos finais, mas não conseguiu a vitória.

Pelo Brasileirão, o Internacional volta a campo no sábado contra o Santos, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, pela 21.ª rodada. Mas antes o time comandado pelo técnico argentino Eduardo Coudet recebe o América-MG, nesta quarta-feira, às 21h30, em Porto Alegre, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

O Coritiba só vai entrar em campo novamente no próximo dia 16, uma segunda-feira, quando faz o confronto direto na briga contra o rebaixamento no Brasileirão contra o Bahia, às 18 horas, no estádio Couto Pereira, em Curitiba.

INTERNACIONAL 2 x 2 CORITIBA

INTERNACIONAL - Marcelo Lomba; Heitor, Zé Gabriel, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Lindoso (Musto), Marcos Guilherme (Nonato), Edenílson e Patrick; Yuri Alberto (Rodinei) e Abel Hernández. Técnico: Eduardo Coudet.

CORITIBA - Wilson; Jonathan, Rodolfo Filemon (Henrique), Sabino e Matheus Oliveira (Nathan); Hugo Moura, Matheus Sales e Giovanni Augusto (Ramon Martínez); Robson, Neílton (Yan Sasse) e Ricardo Oliveira (Rodrigo Muniz). Técnico: Rodrigo Santana.

GOLS - Yuri Alberto, aos 33 minutos do primeiro tempo; Giovanni Augusto, aos 2, Nonato, aos 13, e Sabino, aos 28 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Musto (Internacional); Rodolfo Filemon, Yan Sasse e Rodrigo Muniz (Coritiba).

CARTÃO VERMELHO - Heitor (Internacional).

ÁRBITRO - Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES).

RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Tags: internacional seriea coritibapr