Cruzeiro

SUPERLIGA MASCULINA

Cruzeiro leva susto, mas vence Ribeirão Preto e segue isolado no topo da Superliga

Time celeste triunfa em casa antes de jogo eliminatório pela Copa do Brasil

postado em 11/01/2020 20:07 / atualizado em 11/01/2020 20:20

(Foto: Agência i7/Cruzeiro)

Líder isolado, o Cruzeiro voltou a vencer pela Superliga Masculina. Neste sábado, o time celeste superou o Ribeirão Preto, no Ginásio do Riacho, em Contagem, por 3 sets a 1, pela abertura do returno da competição. As parciais do jogo foram de 25/20, 21/25, 25/22 e 25/14. 

Otávio, que começou o jogo no banco de reservas e foi acionado no segundo set, terminou como destaque. Com 100% de aproveitamento no ataque e uma boa atuação, levou o troféu VivaVôlei de melhor em quadra. “Eu estava no banco, mas atento a tudo que acontecia e entrei para ajudar um pouquinho, fico feliz por isso. Teve um pouquinho de desatenção hoje, mas conseguimos colocar a cabeça no lugar e, mesmo errando mais do que devia, chegamos à vitória. É preciso saber vencer mesmo quando não jogamos tão bem. Mas nos momentos decisivos e o nosso time cresce demais, a gente se olha e sabe que todo mundo cresce nessa hora, isso é muito legal”, destacou o central.

Com o resultado, o Cruzeiro chegou a 33 pontos em 12 partidas disputadas na Superliga – são 11 triunfos e uma derrota até o momento. Na rodada seguinte, a equipe de Marcelo Mendez enfrenta o América, no próximo sábado, às 19h, em Montes Claros. Antes, a Raposa tem desafio diante do Ipapetinga, pela semifinal da Copa do Brasil, nesta quarta-feira, às 20h, novamente no Riachão

O jogo –  O Cruzeiro teve bom desempenho no primeiro set, com o saque funcionando e saiu na frente por 25/20. Na segunda etapa, o time paulista aproveitou os erros da equipe da casa e triunfou por 21/25. A Raposa se recuperou nas parciais seguintes e fechou o jogo sem dificuldade: 25/22 e 25/14.

Cruzeiro x Ribeirão Preto

Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro, Facundo Conte, Filipe, Isac, Cledenilson e o líbero Lukinha. Entraram: Rodriguinho Leme, Luan, Otávio e Hugo. Técnico Marcelo Mendez.

Ribeirão Preto: Pedro, Caio, Yago, Rodrigo, Wennder, Biella e o líbero Diego. Entraram: Luis, Kerber, Baesso e Judson. Técnico Marcos Pacheco.

Tags: superliga cruzeiroec