Cruzeiro

NÚMEROS

Marcelo completa 70 jogos pelo Cruzeiro com maior aproveitamento da história

Técnico atual tem melhor rendimento entre todos os treinadores do Cruzeiro

postado em 01/03/2014 10:35 / atualizado em 22/11/2015 15:31

Redação /Superesportes

Beto Magalhaes/EM/D.A Press

O técnico Marcelo Oliveira alcançará, neste sábado, às 16h30, contra o Minas Boca, a marca de 70 jogos oficiais à frente do Cruzeiro. O Superesportes realizou um levantamento que mostra que o treinador tem o melhor aproveitamento da história do clube, entre os comandantes com mais de 15 partidas.

Se forem considerados os três amistosos à frente do Cruzeiro, Marcelo Oliveira já tem 75,5% de aproveitamento. Entre as partidas oficiais, o rendimento do treinador é de 74,3%. Ambos os números estão acima do segundo colocado, Rizzo, que comandou o clube em 20 jogos, em 1932, e obteve 71,66% de rendimento.

Os 20 técnicos com melhor aproveitamento no Cruzeiro

(com pelo menos 15 jogos disputados e considerados três pontos por vitória)

Marcelo Oliveira – 69 jogos oficiais (72 ao todo) - 48 vitórias, 10 empates e 11 derrotas -74,3% de aproveitamento

Rizzo – 20 jogos (1932) - 71,66% de aproveitamento

Francisco Trindade - 64 jogos (1944-1946) – 71,35% de aproveitamento

Vanderlei Luxemburgo – 107 jogos (2002-2004) - 70,40% de aproveitamento

Airton Moreira – 200 jogos (1957; 1964-1967) - 69% de aproveitamento

Zé Duarte – 160 jogos (1978-1979) - 68,33% de aproveitamento

Cuca – 60 jogos (2010-2011) – 67,77% de aproveitamento

Ilton Chaves – 362 jogos (1968-1975; 1979-1980; 1983-1984) - 67,03% de aproveitamento

Gérson Santos – 118 jogos (1957-1959; 1962; 1969-1970) – 66,94% de aproveitamento

Zezé Moreira – 131 jogos (1975-1977) - 66,67% de aproveitamento

Artur Nequessaurt – 48 jogos (1956;1958) - 66,66% de aproveitamento

Marão – 25 jogos (1964) - 66,66% de aproveitamento

Pinheiro – 37 jogos (1993) - 65,76% de aproveitamento

Orlando Fantoni – 172 jogos (1967-1968; 1971-1972; 1983) - 65,31% de aproveitamento

Barbatana – 49 jogos (1979) - 65,30% de aproveitamento

João Francisco – 99 jogos (1984-1985; 1989) - 64,64% de aproveitamento

Niginho – 247 jogos (1948-1949;1953-1955;1959-1961;1962-1963) - 64,23% de aproveitamento

Adilson Batista – 170 jogos (2008-2010) – 63,72% de aproveitamento

Luiz Felipe Scolari – 75 jogos (2000-2001) – 63,55% de aproveitamento

Levir Culpi – 257 jogos (1996; 1998-1999; 2005) - aproveitamento de 63,29%

Ao todo, 53 técnicos disputaram ao menos 15 partidas pelo Cruzeiro

Tags: cruzeiro interiormg