UAI

2

Entre protestos e vaias, Neymar marca e PSG supera o Bordeaux no Francês

Messi e o atacante brasileiro foram os maiores alvos das críticas no Parque dos Príncipes

13/03/2022 11:01 / atualizado em 13/03/2022 11:14
compartilhe
Neymar foi vaiado na goelada do PSG
foto: Alain JOCARD / AFP

Neymar foi vaiado na goelada do PSG

Em casa, o Paris Saint-Germain entrou em campo contra o Bordeaux, pela 29ª rodada do Campeonato Francês. Com gols de Mbappé, Neymar e Paredes, o time comandado por Mauricio Pochettino somou três pontos e largou mais vantagem na liderança.



Apesar da vitória, o time foi muito vaiado por conta da eliminação na Liga dos Campeões. Messi e Neymar foram os maiores alvos das críticas no Parque dos Príncipes.

Agora com 65 somados, o clube tem treze de vantagem para o segundo colocado Nice. Já o Bordeaux amarga na 20ª e última colocação, com apenas 22 unidades em 87 disputadas.

O próximo compromisso do Paris no torneio é no próximo domingo, contra o Mônaco, às 9 horas (de Brasília). Já o Bordeaux encara, no mesmo dia, às 11 horas (de Brasília), o Montpellier.

O jogo

No primeiro minuto, o Bordeaux construiu duas ótimas chances, mas não conseguiu converter em gol. A primeira foi com o chute de Oudin, obrigando Navas a fazer grande defesa. A outra foi com Onana, de cabeça, após escanteio.

Até os 20 minutos, o panorama ficou o mesmo. O Paris sofria para fechar a defesa e não deixar o adversário marcar.

Então surgiu uma jogada entre Messi, que carregou para o meio, e Wijnaldum, que recebeu do argentino e deu de primeira para Mbappe. O camisa 7 saiu na cara do gol e abriu o placar do duelo.

Na sequência, Neymar ganhou boa oportunidade de ser aplaudido. Ele recebeu bom lançamento e tentou tocar por cima de Poussin, mas errou o alvo e em seguida foi marcado impedimento.

Os primeiros 45 minutos terminou em vitória parcial do PSG, mas o Bordeaux foi mais perigoso num contexto geral. O time comandado por Pochettino desceu para os vestiários com muito protesto da torcida.

Na volta aos gramados, os mandantes entraram com um gás a mais. Logo no começo, Messi achou bom passe para Hakimi, que invadiu a área e tocou para trás. Neymar apareceu no momento certo e desviou para o fundo do gol para ampliar a vantagem.

Aos 15, Paredes encontrou Mbappé pela direita e tocou dentro da área para Neymar. O brasileiro não conseguiu finalizar e, depois de um bate e rebate, a bola sobrou novamente para o volante. Livre e com calma, o jogador cortou para a esquerda, deixou os marcadores no chão e colocou a bola no ângulo do goleiro.

Antes de encerrar o jogo, Messi ainda teve uma chance de ouro. O atacante fez um drible seco, carregou para a entrada da área e chutou, mas a trave não deixou que a bola entrasse e a contagem foi fechada em 3 a 0.

Compartilhe