Futebol Nacional

CRUZEIRO

Cruzeiro deve usar reta final da Série B para definir quem fica para 2022

Clube celeste tem 15 jogadores com contrato até dezembro

postado em 24/10/2021 06:00 / atualizado em 23/10/2021 18:04

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)

Com chances remotas de conquistar o acesso (0,011%) e risco mínimo de rebaixamento (1,6%), de acordo com dados do Departamento de Matemática da UFMG, o  Cruzeiro  agora deve começar a pensar no elenco para a próxima temporada. 

Dos 33 jogadores que integram o grupo da Raposa, 15 têm contratos apenas até dezembro. Outros dois têm vínculos até o fim do próximo Campeonato Mineiro, portanto antes do início da Série B de 2022. 


Fazem parte da lista dos jogadores com contratos no fim os titulares Fábio , com renovação encaminhada, e o meia Giovanni , uma das principais peças do Cruzeiro desde a chegada do técnico Vanderlei Luxemburgo à Toca da Raposa II.

O atacante Wellington Nem , que apresentou bom desempenho nos jogos em que não esteve entregue ao departamento médico, também só tem contrato até dezembro.

Outros com contratos no fim e que devem deixar o clube são os zagueiros Joseph e Rhodolfo e os volantes Ariel Cabral e Henrique. 

Situação na tabela


Atualmente, faltam sete rodadas para o fim da Série B. Na 12ª posição, com 39 pontos, a Raposa busca mais duas vitórias para garantir a permanência na Segunda Divisão pelo terceiro ano seguido.

Auxiliar do técnico Vanderlei Luxemburgo, Maurício Copertino disse que a comissão técnica ainda tem alguns objetivos na Série B, sem citar quais são. 

"A instituição Cruzeiro é muito grande. A gente ainda tem objetivos dentro da competição, faltam alguns jogos para alcançar nossos objetivos. Com certeza, na próxima semana, com dois jogos em casa, vamos retomar o caminho das vitórias", disse.