Futebol Nacional

GRÊMIO

Renato Gaúcho detalha proposta do Grêmio a Diego Tardelli, sonho do Atlético: 'Oferta é ótima'

Alvo também do Atlético, atacante ficou de dar resposta ao Grêmio nesta terça

postado em 11/02/2019 23:39 / atualizado em 11/02/2019 23:58

AFP
 O Grêmio espera finalmente anunciar nesta terça-feira a contratação de Diego Tardelli, de 33 anos, atacante também pretendido pelo Atlético. O clube gaúcho apresentou uma proposta a ele na sexta-feira. O prazo para a resposta era domingo, mas foi estendido em mais dois dias a pedido do jogador. Ansioso para saber o desfecho dessa ‘novela’, o técnico tricolor Renato Gaúcho revelou durante o programa ‘Bem, Amigos’, do canal Sportv, os detalhes da oferta apresentada a Tardelli. 

Renato explicou que é grande admirador de Tardelli e sempre manteve contatos com o atacante durante sua passagem pelo Shandong Luneng, da China. As conversas foram retomadas no fim de janeiro, quando o jogador sinalizou desejo de ir para o Grêmio.

”Estou falando com ele já há três semanas. Há dois anos que quero trazer esse jogador para o Grêmio. Todo final de ano eu falo com ele. ‘Não, vou ficar mais um ano aqui (China), estou precisando pegar mais algum’. Eu falo com ele: ‘Pô, você quer todo dinheiro do planeta? Vem embora’. E aí três semanas atrás, ele falando com o Léo (Moura), e ele falou: ‘Fala com o Renato que estou de volta’. Falei: ‘O quê?’. Peguei o telefone e liguei para ele na hora. Falei: ‘Eu vou te trazer. A não ser que não se acerte financeiramente, mas vou falar com o presidente, com a diretoria. O Grêmio entrou em contato, o Grêmio vem falando com os representantes dele já praticamente há três semanas”, detalhou Renato.

Lucas Uebel/Grêmio

A confiança de que Tardelli aceitará a proposta do Grêmio, segundo Renato Gaúcho, deve-se ao atendimento de todas as condições pedidas pelo jogador. A principal delas era um contrato de três anos e não apenas de dois. 

Por outro lado, se acertar, Diego Tardelli precisará atingir uma meta de atuar em 60% das partidas em seu segundo ano de Grêmio para ter o contrato renovado automaticamente por mais uma temporada. Renato Gaúcho mostrou confiança de que o martelo será batido.

”O Grêmio fez uma oferta muito boa a nível de futebol brasileiro, muito boa para ele mesmo. Só que o Grêmio chegou no limite dele, mas a oferta é ótima para ele. Agora está na mão dele. O que estava pegando eram os dois anos. Ele queria três anos de contrato, o Grêmio dava os dois anos. O Grêmio deu os três anos, mas só que, o terceiro ano, ele precisa cumprir, se não me engano, uma meta de 60% dos jogos. Ele vai cumprir”, disse o treinador gremista.

Renato Gaúcho definiu Diego Tardelli como um jogador moderno. “Ele joga em duas ou três posições. (...) Sabe fazer gol”, elogiou.

Saída de Jael ao Japão depende de Tardelli

Ao mesmo tempo que sonha com Diego Tardelli, o Grêmio corre o risco de perder o centroavante Jael, titular nesse começo de temporada. Durante o programa do Sportv, Renato Gaúcho chegou a cogitar uma relação entre as duas negociações. “Se vem Tardelli, libera (Jael). Se não vier, não libera”.

Atlético no páreo

Embora o Grêmio apareça como favorito para contratar Diego Tardelli, o Atlético ainda sonha com a volta do ídolo da torcida. O diretor de futebol Marques vem mantendo contato com o atacante e seus representantes desde o fim de janeiro. O impasse é financeiro.

No dia 5 de fevereiro, o presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara, afirmou que a contratação de Tardelli dependeria da ajuda de algum investidor. Com recursos próprios, seria inviável chegar ao patamar salarial pedido pelo atacante. “Tardelli teve contato um tempo atrás com o Marques, mas a pedida dele foi muito alta. Para as nossas atuações condições, não é possível trazer. A não ser que muita coisa aconteça, como (conseguir) um investidor para poder ajudar a pagar, mas acho muito difícil acontecer”, explicou Sette Câmara.

Mas, no último sábado, Marques adiantou que o Atlético ainda não tinha desistido de repatriar Tardelli. “Está na mesma do que a havia passado atrás. A gente conversou inicialmente com o Tardelli, com seus agentes também...Diria que ele ainda está na pauta pelo grande jogador que é, pela empatia que tem com o nosso clube, mas vamos trabalhar com muita calma em relação a esse nome, que é muito importante”.

Em duas passagens pelo Galo, Diego Tardelli conquistou uma Copa Libertadores (2013), uma Copa do Brasil (2014), uma Recopa Sul-Americana (2014) e dois Campeonatos Mineiros (2010 e 2013). Foram 219 partidas e 113 gols marcados pelo clube.

Tags: diego tardelli renato gaúcho gremio gremiors atlético atleticomg mercadobola interiormg futinternacional