Futebol Nacional

NOVO REFORÇO

Na apresentação ao América, Mazinho garante motivação e desejo de vencer

Meia Mazinho, de 24 anos, quer estrear no clássico contra Cruzeiro, no dia 7 de abril

postado em 26/03/2013 15:54 / atualizado em 26/03/2013 16:10

Assessoria AFC

Nesta terça-feira, o América apresentou mais um reforço para a temporada 2013. O meia Mazinho, que estava no Juventus de Jaraguá do Sul, de Santa Catarina, chega ao Coelho para disputar o restante do Campeonato Mineiro a Copa do Brasil e a Série B do Brasileiro. Aos 24 anos, o jogador garante que está motivado para defender o novo clube revela seu desejo de vencer na carreira.

"Eu optei pelo América porque é um grande clube. Tenho certeza que vou ter muitos momentos de alegrias aqui. Toda oportunidade que passa na nossa vida nós temos que agarrar. Eu não vim para o América para passear, para completar grupo e nem para ser mais um. Eu vim para buscar o meu espaço, para jogar e vim com muita vontade mesmo. Eu quero muito vencer na vida, e essa é uma grande oportunidade para mim. Eu vou aproveitá-la”, afirmou.

Após Nikão e Willians, Mazinho é o terceiro reforço do América na era Paulo Comelli. Desconhecido da torcida americana, o meia explica suas características dentro de campo. “Eu sou um meio-campo canhoto, que gosta de jogar pela esquerda, atuando como um terceiro homem, vindo de trás. Sou um jogador leve, de muita movimentação, de bom passe e espero fazer um bom campeonato”, comentou.

Mazinho estava em atividade pelo Juventus de Jaraguá do Sul, que disputa o Campeonato Catarinense. O atleta afirma que está bem fisicamente e quer estrear no clássico contra o Cruzeiro, no dia 7 de abril, pela nona rodada do Estadual, em local ainda indefinido.

“Eu joguei os 10 jogos do Catarinense, o último há uma semana e meia. Estou bem fisicamente, em condições. Falta um pouco ritmo, mas estou pronto para jogar. Antes de chegar eu já estava muito motivado, porque sabia que iria ter condições para o jogo contra o Cruzeiro”, revelou.

Para ganhar vaga no time titular, Mazinho enfrentará forte concorrência. Para a posição, otécnico Paulo Comelli tem como opções Rodriguinho, Geovanni, Nikão, Willians e Kaio. A forte concorrência para no setor não preocupa Mazinho “A briga é boa. É muito bom quando têm jogadores de qualidade, isso motiva ainda mais para buscarmos o nosso espaço e quando tiver a oportunidade temos que agarrar de melhor maneira possível”, concluiu.

O meia Mazinho começou sua carreira nas categorias de base do Joinville (SC). Na sequência da carreira, o armador defendeu as cores do Cerâmica (RS), São Paulo (RS), Americana (SP), Guaratinguetá (SP), Brasil Farroupilha (RS), Guarany de Bagé (RS) e, por fim, o Juventus, seu último clube.