Futebol Nacional

ATLÉTICO

Cuca diz que Atlético teve melhor jogo sob seu comando: 'Muito a crescer'

Técnico projetou melhora da equipe após goleada por 4 a 0 sobre o Cerro Porteño-PAR, pela Copa Libertadores

postado em 04/05/2021 22:17 / atualizado em 05/05/2021 14:47

(Foto: Pedro Souza/Atlético)

Após um início de trabalho muito contestado, o técnico Cuca vê o Atlético emendar vitórias convincentes. A mais significativa delas foi nesta terça-feira à noite: goleada por 4 a 0 sobre o Cerro Porteño-PAR, no Mineirão, pela terceira rodada do Grupo H da Copa Libertadores. Os gols foram de Hulk (dois), Savarino e Vargas.


O treinador rasgou elogios ao desempenho no triunfo que colocou o time na primeira posição da chave, com sete pontos - quatro a mais que os paraguaios, vice-líderes. Cuca crê que foi o melhor jogo do Atlético desde que ele reassumiu o comando, em março.



"Sim, foi (a melhor atuação do Atlético desde que chegou). Foi um jogo bem jogado. Contra o América (de Cáli), também foi bem jogado, mas nós tomamos um gol que acabou, no final do jogo, pondo em risco o resultado. Mas também tinha sido bem jogado", disse, em referência à vitoria por 2 a 1 na última terça, também pela Libertadores.

"Eles (jogadores) vão evoluindo à medida que vão tendo um conhecimento maior entre eles. À medida que os resultados vão acontecendo, eles vão pegando mais confiança. O ser humano é assim, movido à confiança. As coisas começam a surgir mais naturalmente", comemorou o treinador.

Foi a 11ª partida do Atlético sob o comando de Cuca, com oito vitórias, um empate e duas derrotas. São quatro triunfos consecutivos, contra Athletic (1 a 0, pelo Campeonato Mineiro), América de Cáli-COL (2 a 1), Tombense (3 a 0, pelo Estadual) e Cerro Porteño-PAR (4 a 0).

Cuca comemorou a boa sequência, mas projetou evolução. "A gente tem muito a evoluir, muito a crescer ainda. Quando você ganha, não quer dizer que está tudo certo e não precisa evoluir em nada. A gente tem muito a corrigir e tentar crescer como equipe como um todo", pontuou.



"A gente sabia que, quando viesse o desempenho junto com o resultado, as coisas tendiam a melhorar em todos os sentidos, principalmente no anímico, para o jogador pegar confiança e executar as jogadas com mais naturalidade, como eles fizeram hoje, sábado passado e na terça-feira contra o América. As coisas estão melhorando", completou.

Novo estilo


Em meio às criticas recebidas nos primeiros dias de trabalho, Cuca pediu tempo para que conseguisse implementar seu estilo de jogo - bastante diferente em relação ao de Jorge Sampaoli, que comandou o Atlético por quase um ano. Agora, o atual treinador alvinegro entende que o time tem assimilado a nova proposta.

"Foi uma grande partida que o Atlético fez, porque soube entender o jogo, marcou pressão. Pela primeira vez, a gente fez dois gols no adversário na roubada de bola no campo de ataque, o que era um pouco mais complicado de se fazer. Acho que o pessoal está entendendo bem, aceitando bem essa marcação pressão", afirmou.

"A gente mesclou essa marcação pressão com intermediária e baixa também. Então, você não se expõe tanto a contra-ataques, você sabe respeitar o cansaço que o jogador tem dentro de campo. Eles, como jogadores inteligentes que são, sabem passar essas linhas também. Eles têm a liberdade para se movimentarem e têm aproveitado bem. Hoje, foi um grande jogo coletivamente. Automaticamente, as peças se sobressaem, cada um da sua forma", completou o treinador.

O técnico tem jogos decisivos pela frente para tentar implementar seu estilo. Neste sábado, enfrenta o Tombense, às 16h30, no Mineirão, pelo jogo de volta da semifinal do Mineiro. Na próxima quinta-feira, visita o América de Cáli-COL, na Colômbia, pela Libertadores.

Tags: galo cerro cuca atleticomg interiormg futnacional cerro porteno libertadores2021