Futebol Nacional

PE2013

Caça-Rato vem usando chuteira de Dênis Marques

Atacante tricolor ganhou a chuteira de DM9, usada na final do PE2012, e diz que o calçado vem dando sorte. Será?

postado em 22/03/2013 08:18 / atualizado em 22/03/2013 08:38

Redação Superesportes /Diario de Pernambuco

Ricardo Fernandes/DP/D.A Press
média de gols do atacante Flávio Caça-Rato nunca foi alta. Por ser um jogador de mais mobilidade do que um centroavante, balançar as redes nunca foi o forte dele. Tanto que, em 2011, no seu primeiro ano de Santa Cruz, passou em branco. A primeira vez que banlançou as redes com a camisa coral só veio em 2012, ano em que ele alcançou a marca de seis gols. Em 2013 já foram três. O objetivo de superar a temporada anterior está traçado. Do companheiro Dênis Marques, artilheiro nato, veio uma pequena ajuda. Mais do que conselhos ou dicas. Ele ganhou um par de chuteiras.

E não é qualquer par de chuteiras. O calçado pode estar um pouco gasto, mas já fez história nos pés de Dênis Marques. Foi com eles que o atacante marcou um dos gols da final do Pernambucano de 2012, contra o Sport, na Ilha do Retiro, ajudando o Santa Cruz a sair com o bicampeonato estadual. Agora, quem as usa é Caça-Rato. E ele garante que está dando sorte. A história que conta é que em dois gols marcados por ele nesta temporada as estava usando.

Caça-Rato teria marcado esses gols contra o CRB, pela Copa do Nordeste, e no último confronto, diante do Serra Talhada, que terminou empatado em 1 a 1. Mas a reportagem do Superesportes verificou as fotos e o vídeo do jogo e identificou que o atacante não estava usando a chuteira de cor preta e sim uma azul, que ele geralmente usa nas partidas. Na verdade, Dênis Marques é quem estava calçando a tal chuteira preta.

Folclore


No treino de ontem, a chuteira preta, com direito a inscrição em dourado “Denis Marques 10”, estava nos pés de Caça-Rato. A história surgiu por acaso, quando ele mesmo comentou. “Tá vendo essa chuteira aqui? Foi a do gol em Magrão, ano passado”, contou o atacante, referindo-se à final do Estadual de 2012. “Agora é minha. Ele (Dênis Marques) me deu, né? Vou jogar fora é?”.

E assim começou o conto de Caça. Ele jura que os gols estão saindo por causa do novo calçado. E promete mais. “Os gols tão saindo por causa dela. Fiz dois já, contra o CRB e esse agora, com o Serra Talhada. Vai sair ainda mais”. Uma vez folclórico, sempre folclórico.

Números

2011

10 jogos

0 gol

2012

34 jogos

6 gols

2013

12 jogos

3 gols