Futebol Nacional

Arruda

Sandro volta a pedir para deixar comando e não é mais técnico do Santa Cruz

Agora, ele volta a ser auxiliar técnico do clube. Diretoria negocia com quatro nomes

postado em 20/08/2013 18:38 / atualizado em 20/08/2013 22:28

Brenno Costa /Diario de Pernambuco , Cassio Zirpoli /Diario de Pernambuco

Paulo Paiva/DP/D.A Press
Uma notícia que começou como boato e tomou conta das redes sociais durante à tarde foi confirmada no início da noite desta terça-feira. Sandro Barbosa não é mais o técnico do Santa Cruz. O treinador entregou o cargo, e a diretoria tricolor aceitou a demissão.

Sandro, porém, vai seguir no clube como auxiliar técnico. Até o momento, nem o ex-técnico, nem o diretor de futebol Constantino Júnior, atenderam as ligações da reportagem do Superesportes. Em duas ligações, às 17h40 e outra às 18h17, o presidente do Santa Cruz negou a informação por duas vezes. No entanto, cerca de 15 minutos depois, uma fonte assegurou a informação.

Agora, a diretoria coral está atrás de quatro nomes. Especula-se que entre eles estejam Vica (ex-Treze) e Oliveira Canindé (ex-Campinense). Nenhum deles, contudo, é tratado como alvo oficial da diretoria.

Sandro já havia pedido para deixar o comando do Santa Cruz logo após a goleada de 6 a 0 no sábado retrasado (10/8). A diretoria, no entanto, conseguiu convencê-lo a ficar. Em seguida, o Santa Cruz foi derrotado pelo Luverdense e o técnico voltou a pedir para deixar o comando do clube.