Futebol Nacional

SANTA CRUZ

Contra atual líder e indigesto Botafogo-PB, Santa inicia jornada para seguir vivo no NE

Tricolor precisa superar vários desfalques na equipe para vencer; por outro lado, jogando contra a Cobra Coral, a última derrota do Botafogo foi em 2014

postado em 12/03/2020 08:30 / atualizado em 12/03/2020 08:16

(Foto: Paulo Paiva/Esp.DP )
A duas rodadas do fim da primeira fase, o Santa Cruz inicia, nesta quinta-feira, sua jornada para seguir lutando por uma vaga nas quartas de final da Copa do Nordeste. Mas, para sair vitorioso, o Tricolor precisa superar várias barreiras dentro e fora de campo que, neste jogo contra o Botafogo-PB, multiplicaram-se. Porque, além da Cobra Coral enfrentar o atual líder do grupo A do Nordestão, o Belo da Paraíba também está invicto no certame. Mas, como se não bastassem essas dificuldades, a equipe do técnico Itamar Schülle ainda terá um fato novo - e bastante negativo - para o duelo: os vários desfalques. 

Os já confirmados para o duelo encontram-se todos no setor defensivo. Mas, nesta quarta-feira, mais uma posição foi comprometida: a do meio de campo, com a confirmação do técnico Itamar Schülle de que o volante Paulinho não vai jogar.  Outros jogadores que eram dúvida, como o atacante Victor Rangel e o volante Bileu - ambos não participaram do treino da última terça-feira - aparecem na movimentação de hoje e devem jogar. O centroavante Pipico, por outro lado, tem uma situação que requer um pouco mais de cuidado. O artilheiro continua na transição física, treinou à parte do elenco no Arruda, mas não está confirmado no jogo. 

A eles, possíveis ausências, somam-se às garantidas: o zagueiro William Alves e lateral esquerdo Fabiano, que cumprem suspensão automática por terem levado o terceiro cartão amarelo no clássico contra o Sport, no último sábado. Além deles, o capitão da equipe, Danny Morais também não vai jogar, mas por outro motivo:  com uma pré-lesão devido ao cansaço muscular, será poupado pelo departamento médico do clube. 

As dificuldades, no entanto, não param por aí. Porque o Botafogo-PB, quando joga com o Santa Cruz, é um adversário indigesto, difícil de engolir. Tanto que a última vitória do Tricolor sobre o Belo, no Arruda, aconteceu em julho de 2014, quando venceu a equipe paraibana por 2 a 1, na Copa do Brasil. Nas últimas cinco partidas que tiveram pela frente, duas derrotas corais e três empates.
 
Em um recorte mais amplo, pernambucanos e paraibanos se enfrentaram 12 vezes na história, sendo quatro delas no Arruda, onde o Tricolor teve baixíssimo aproveitamento: vencendo um jogo - citado acima -, perdendo dois e empatando outro. 

Na sexta colocação do grupo B, com sete pontos conquistados, o Santa Cruz está no páreo na disputa pela classificação da Copa do Nordeste. Caso vença o Botafogo-PB, o Tricolor entrará no G4 de forma provisória - espera os resultados de Vitória e Ceará - , e, ao final da última rodada, pode enfrentar o já desclassificado River-PI, fora de casa. No entanto, todos os cenários passam pelo duelo desta quinta-feira.   

Ficha do jogo 

Santa Cruz 

Maycon Cleiton; Júnior; Denílson, Feliphe Gabriel, Toty; André, Bileu (Tinga) e Didira;  Victor Rangel (Patrick Nonato), Pipico e Chiquinho. Técnico: Itamar Schülle.   

Botafogo-PB 

Felipe, Léo Moura, Fred, Luís Gustavo e Mário (Christianno); Wellington Cézar, Juninho e Éverton Heleno; Cássio Gabriel e Rodrigo Andrade e Lohan. Técnico: Evaristo Pizza


Local: Estádio do Arruda 
Horário: 19h30
Árbitro: Leo Simão Holanda (CE)
Assistentes: Renan Aguiar da Costa (CE) e Jailson Albano da Silva (CE)