Futebol Nacional

Arbitragem

Luciano Bivar detona Emerson Sobral, mas direção leonina não veta árbitro

Conselho gestor leonino apenas enviou uma representação contra o juiz da última partida do Sport

postado em 25/03/2013 19:57 / atualizado em 25/03/2013 20:05

Rafael Brasileiro /Diario de Pernambuco

Assim como a direção do Náutico fez na última semana, a do Sport também reclamou e muito da arbitragem pernambucana. O presidente Luciano Bivar não poupou Emerson Sobral, árbitro da partida entre Sport e Ypiranga, e o conselho gestor do clube decidiu entrar com uma representação contra o juiz. Porém nenhum veto foi feito ao nome do árbitro em partidas futuras.

Perguntado sobre a atuação de Sobral no empate do Sport contra o Ypiranga em Santa Cruz do Capibaribe, Bivar não titubeou. “Toda vez ele fica minando o jogo do Sport. É um negócio que não dá. Eu não sei o que é. Ou ele é corrupto, ou não sabe apitar, ou não sei o que é”, disparou o presidente.

Após a atuação de Emerson Sobral não agradar os rubro-negros, a escolha de Gilberto Castro Júnior para apitar o confronto contra o Chã Grande nesta próxima quarta-feira, acalmou os ânimos. Porém antes do sorteio da arbitragem da 9ª rodada, o clube entrou com uma representação contra o árbitro da partida do último domingo. O representante do Sport na FPF, Fred Domingos ainda explicou que o clube não se opõe a uma possível arbitragem de Sobral.”O Sport não veta ninguém, muito pelo contrário. O Sport quer prestigiar os árbitros mas também espera que eles não errem como estão errando”, explicou o dirigente.