Futebol Nacional

SPORT

Presidente do Sport minimiza briga por título e reafirma acesso como principal objetivo

Segundo Milton Bivar, os quatro clubes que conquistarem a promoção à Série A podem se considerar campeões da Segunda Divisão

postado em 22/10/2019 19:28 / atualizado em 22/10/2019 19:50

<i>(Foto: Nando Chiappetta/DP FOTO)</i>
Com o caminho bastante pavimentado rumo ao acesso, é inegável que a torcida leonina começou a sonhar com um algo a mais na Série B. Seis pontos atrás do líder Bragantino e com oito jogos a serem realizados, o clima de esperança tem se espelhado na Ilha do Retiro e as perguntas sobre a possibilidade de título vem se tornando cada vez mais frequentes. Porém, ao contrário da expectativa que vem sendo propagada, o presidente do Sport, Milton Bivar, coloca que a briga pelo título foge do objetivo principal, que é o acesso.

O dirigente assumiu o Leão em janeiro deste ano e pegou o clube recém-rebaixado e em grave crise econômica. Desde então, Bivar tem colocado que o acesso é a principal meta do Sport em 2019, se apresentando como uma saída para os problemas financeiros que a agremiação enfrenta.

“O objetivo maior é o acesso. Não temos como objetivo sermos campeões. Os quatro que sobem são campeões. O primeiro recebe apenas uma taça. Primeiro, vamos atrás do nosso objetivo maior, o que está bem difícil. A Série B nunca foi fácil. Temos muitos times de tradição querendo subir e que vão ficar pelo caminho. O acesso é o objetivo. O bicampeonato da Série B seria apenas um plus.”

A atual condição do Leão indica a possibilidade na luta pelo título, pois a caminhada para o acesso se mostra bem pavimentada. Com 53 pontos conquistados em 30 rodadas, o Sport possui grandes chances de confirmar o acesso. Segundo sites especializados em estatísticas esportivas, o rubro-negro tem mais de 90% de chances de ser um dos quatro clubes a garantir vaga na Série A 2020. Quando se fala em título, a possibilidade se reduz drasticamente, variando de 7,5% a 3,4% uma vez que o líder Bragantino, está seis pontos à frente. 

Apesar disso, mesmo corroborando com a ideia de que o acesso é o principal foco e meta da temporada, o técnico Guto Ferreira coloca que a luta pelo título funcionaria como um alvo, pois caso ele não venha, ao menos aumentaria as chances de se conquistar o acesso.

“É difícil conquistar o título antes da classificação. Você joga em um patamar mais alto para se caso você errar, acaba atingindo um objetivo. Isso nunca deixou de acontecer. Nós vislumbramos um objetivo mais alto para buscar aquele que é o mais importante. O outro é simplesmente a cereja do bolo e isso nunca nos saiu da cabeça, mesmo quando não vencemos na última rodada e acabamos não diminuindo a diferença para quatro pontos.”