Futebol Nacional

Aflitos

Rogério espera marcação individual do Santa e fala em duelo com Everton Sena

Atacante é o vice-artilheiro da competição, com 12 gols marcados (dois a menos que o companheiro de ataque, Elton)

postado em 25/03/2013 19:30 / atualizado em 25/03/2013 19:54

Daniel Leal /Diario de Pernambuco

Vice-artilheiro do Estadual com 12 gols, Rogério "está por cima". Vivendo a melhor fase da sua carreira, o ofensivo afirmou que espera sofrer marcação individual no clássico do próximo domingo, contra o Santa Cruz. Afinal, atleta natural de Pesqueira, 22 anos, já foi acompanhado de perto no Clássico dos Clássicos, contra o Sport – onde perder o jogo, mas conseguiu deixar a sua marca ao fazer um belo gol.

"No clássico contra o Sport quem me marcou foi Maurício (zagueiro). Acho que os adversários estão pouco preocupados comigo e com Elton. Eles podem colocar um "cara" para me marcar", afirmou, sem modéstia. Questionado se essa briga à parte poderia ser com Everton Sena (que costuma exercer – e bem – essa função pelo Tricolor), Rogério não se intimidou. "Ele vai fazer o trabalho dele e eu o meu", resumiu.

Sobre um possível favoritismo do Timbu, Rogério rechaçou o rótulo. "Em clássico não tem favorito. Futebol se resolve no detalhe, que foi como perdemos para o Sport, por exemplo. É continuar a jogar como temos jogado e trabalhar para não vacilar no mesmo detalhe e deixar vitória escapar", disse. "É bom jogar clássico, é o melhor jogo de se jogar. Onde há espaço para jogar e é muito gostoso ver as duas torcidas apoiando. Sempre fica o frio na barriga."