UAI

2

Com gol relâmpago, Goiás vence Atlético-GO em clássico pelo Brasileiro

Com a vitória, os esmeraldinos chegaram aos cinco pontos e subiram para a 16ª colocação

08/05/2022 18:36 / atualizado em 08/05/2022 18:41
compartilhe
O Goiás começou a partida ligado e marcou com Elvis antes da primeira volta do ponteiro
foto: Divulgação/Goiás

O Goiás começou a partida ligado e marcou com Elvis antes da primeira volta do ponteiro


O Goiás venceu o clássico diante do Atlético-GO pelo Campeonato Brasileiro por 1 a 0 com um gol relâmpago neste domingo, jogando fora de casa. O tento foi marcado por Elvis em belo arremate da entrada da área.



Com a vitória, os esmeraldinos chegaram aos cinco pontos e subiram para a 16ª colocação. Já o Atlético-GO se manteve na zona do rebaixamento com três tentos.

O Goiás começou a partida ligado e marcou com Elvis antes da primeira volta do ponteiro. O meio-campista acertou belo chute no canto esquerdo, após rebote na entrada da área.

Após ficar em desvantagem, o Atlético-GO aplicou uma grande pressão, principalmente após a expulsão do volante do Goiás, Henrique Lordelo, mas não foi efetivo.

Na sequência, o Atlético-GO joga diante do Cuiabá, fora de casa, às 22 horas (de Brasília), nesta quarta-feira, pelo segundo jogo da terceira fase da Copa do Brasil. Na partida de ida, as equipes empataram por 1 a 1.

Já o Goiás terá a semana para trabalhar antes do duelo no próximo domingo, dia 15 de maio, em casa, diante do Santos, às 19 horas.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO 0 X 1 GOIÁS


Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (Go)
Data: 8 de maio de 2022, domingo
Horário: Às 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)
VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (RN)
Cartões amarelos: Baralhas, Léo Pereira e Jorginho (Atlético-GO); Caetano e Danilo Barcelos (Goiás)
Cartão vermelho: Henrique Lordelo (Goiás)

Gol:
GOIÁS: Élvis, ao 1 min do 1º tempo

ATLÉTICO-GO: Ronaldo; Hayner, Wanderson, Ramon Menezes e Arthur Henrique (Churín); Gabriel Baralhas (Luiz Fernando), Marlon Freitas e Jorginho; Léo Pereira (Jefferson), Wellington Rato (Airton) e Shaylon
Técnico: Umberto Louzer

GOIÁS: Tadeu; Caetano, Reynaldo e Sidimar; Apodi (Maguinho), Diego (Fellipe Bastos), Henrique Lordelo, Elvis (Matheus Sales) e Danilo Barcelos; Dadá Belmonte (Auremir) e Pedro Raul (Nicolas)
Técnico: Jair Ventura

Compartilhe