Internacional

CRUZEIRO

Edilson, do Cruzeiro, liga para Nico López, do Inter, e se desculpa por cotovelada

Lateral-direito ligou para o atacante após a partida

postado em 13/05/2019 19:27 / atualizado em 13/05/2019 19:28

<i>(Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)</i>
O lateral-direito Edilson, do Cruzeiro, se arrependeu da agressão a Nico López, do Internacional, na partida desse domingo, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Na derrota cruzeirense por 3 a 1, no Beira-Rio, o defensor celeste deu uma cotovelada no rosto do atacante colorado, aos 48 minutos do segundo tempo, e levou o cartão vermelho direto. Segundo informações do jornal Zero Hora, o camisa 2 ligou para o jogador uruguaio e pediu desculpas.

Ainda no vestiário do Beira-Rio, Edilson pediu ao atacante Rafael Sobis, ex-Cruzeiro e hoje no Internacional, o telefone de Nico López. 

Segundo relato do jornal gaúcho, os dois jogadores conversaram rapidamente por telefone. Edilson se desculpou pelo gesto e teve o pedido aceito por Nico López. 

Se for denunciado pela Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Edilson pode ser julgado pela agressão. 

O Artigo 254-A, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que trata de agressão física durante a partida, prevê suspensão de quatro a 12 partidas.

Leia, a seguir, a íntegra do Art. 254-A:

Praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente.111 (Incluído pela Resolução CNE nº 29 de 2009).

PENA: suspensão de quatro a doze partidas, provas ou equivalentes, se praticada por atleta, mesmo se suplente, treinador, médico ou membro da comissão técnica, e suspensão pelo prazo de trinta a cento e oitenta dias, se praticada por qualquer outra pessoa natural submetida a este Código. (Incluído pela Resolução CNE nº 29 de 2009).

§ 1º Constituem exemplos da infração prevista neste artigo, sem prejuízo de outros: I - desferir dolosamente soco, cotovelada, cabeçada ou golpes similares em outrem, de forma contundente ou assumindo o risco de causar dano ou lesão ao atingido; (Incluído pela Resolução CNE nº 29 de 2009).

Tags: cruzeiroec seriea futnacional internacionalrs interiormg