NÁUTICO

Além do principal jogador, Juventude perde técnico para duelo de volta contra o Náutico

Técnico Marquinhos Santos e meia Renato Cajá deixaram o clube nesta segunda

<i>(Foto: Foto: Léo Lemos/ CNC)</i>
O Juventude terá duas importantes baixas para enfrentar o Náutico domingo na partida de volta das semifinais da Série C. Responsável por conduzir a equipe ao acesso, o técnico Marquinhos Santos acertou com a Chapecoense na tarde desta segunda-feira. Ainda, o meia e principal jogador, Renato Cajá, foi negociado com a Ponte Preta. O confronto eliminatório que define o finalista acontece às 18 no estádio dos Aflitos.

Marquinhos deixa o comando do Juventude com 58% de aproveitamento - nove vitórias, oito empates e três derrotas em 20 partidas. Já Renato Cajá disputou nove jogos pela equipe gaúcha, marcando cinco vezes e dando uma assistência. O meia, inclusive, balançou as redes em três oportunidades no jogo de volta que definiu o acesso contra o Imperatriz.

O Juventude ainda não informou se contratará alguém para substituir Marquinhos nesta partida em Recife. A tendência é que o auxiliar Leandro Fahel esteja à frente do time. Enquanto que na vaga de Renato Cajá a opção seja por Rafael Bastos, que inclusive já entrou no lugar do meia na partida de ida.