CAMPEONATO BRASILEIRO

Palmeiras visita Paraná para conseguir recorde e se aproximar do título da Série A

Time irá buscar vitória ou empate para chegar a 20 jogos de invencibilidade

postado em 18/11/2018 09:00 / atualizado em 18/11/2018 09:08

Cesar Greco/Palmeiras
O Palmeiras está em contagem regressiva para conquistar o Campeonato Brasileiro e poderá se aproximar ainda mais do título neste domingo, às 17 horas de Brasília, quando irá enfrentar o já rebaixado Paraná no Estádio do Café, onde nunca perdeu um jogo. Como a partida será em Londrina, a expectativa é que a torcida do Verdão seja maioria.

A equipe irá buscar mais uma vitória ou, pelo menos, um empate para chegar a 20 jogos consecutivos sem perder na competição e bater o recorde no quesito, tirando o empate que tem com o Corinthians. Esta série começou justamente quando bateu o Tricolor da Vila por 3 a 0 no Allianz Parque no primeiro jogo após a demissão de Roger Machado sob comando do interino Wesley Carvalho.

Thiago Santos destacou que o time não pode entrar achando que vai encontrar uma partida fácil em Londrina. "A gente está pensando jogo a jogo. Não podemos entrar no clima de já ganhou. Flamengo e Inter fizeram a parte deles, então há a chance de eles ganharem. Temos que levar cada jogo como uma final. Mesmo enfrentando um time rebaixado, eles não têm nada a perder, então temos que estar mais ligados. Estamos trabalhando forte para sair com a vitória em todos os jogos".

O volante também revelou ansiedade para a conquista do título e pregou respeito ao time paranista. "Se perguntar para qualquer um, todos estão ansiosos porque é um título de Brasileiro, temos que pensa jogo a jogo, não podemos comemorar antes porque nada está ganho. Temos que pensar que contra o Paraná vai ser um grande jogo, uma final para a gente. Não podemos entrar no clima de já ganhou porque tem 11 jogadores do outro lado".

Assim como já anunciado pelo treinador Luiz Felipe Scolari, o Verdão terá de cinco a seis mudanças na equipe. O zagueiro Luan recebeu o terceiro amarelo e cumprirá suspensão. Como Felipão não está misturando os jogadores das duplas de zaga, Antônio Carlos e Edu Dracena devem atuar. Deyverson, que volta de suspensão, deve entrar no comando de ataque e Felipe Melo no lugar de Thiago Santos. Victor Luis pode substituir Diogo Barbosa e Jean ou Marcos Rocha, se tiver condições físicas, entraria no lugar de Mayke. Moisés pode voltar após ter sido desfalque contra o Fluminense depois de sofrer entorse no tornozelo direito.

Longe da torcida, lanterna da competição, pior mandante da história do Brasileirão, rebaixado por antecedência e, para piorar, com muitos desfalques. Esse é o Paraná que tentará atrapalhar os planos do Verdão. O time vem de uma derrota em casa para o Atlético em partida que mostrou, pelo menos, muita determinação, segurando o adversário cm dois jogadores a menos em campo.

O técnico Dado Cavalcanti não contará com o goleiro Richard, que recebeu o terceiro cartão amarelo na penalidade sobre Luan, assim como Alex Santana, que reclamou da arbitragem e foi amarelado. Os expulsos foram o atacante Andrey e o meia Silvinho. Além disso, o atacante Rodrigo Carioca sentiu uma lesão na coxa e deve ser vetado. Com isso, jovens como Jean Lucas, Alesson, Keslley e Felipe Augusto devem ter a missão de encarar o líder da competição.

Mesmo diante de tantas dificuldades, o zagueiro Jesiel espera surpreender para estragar a festa palmeirense. "É tentar atrasar um pouco do título dos caras. Nós vamos lá para fazer um bom trabalho porque somos profissionais. Vou para campo querendo ganhar, motivado para fazer um bom resultado e tentando não levar gol. Vamos encarar um time qualificado, com ótimos atacantes. É uma oportunidade jogar contra o líder do campeonato e vamos buscar ganhar sim", concluiu.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ X PALMEIRAS

Local: Estádio do Café, Londrina (PR)
Data: 18 de novembro de 2018, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Luiz Claudio Regazone (RJ)

Paraná: Thiago Rodrigues; Júnior, Renê Santos (Charles), Jesiel, Igor; Leandro Vilela, Torito González, Alesson (Wesley); Raphael Alemão (Keslley), Rafael Grampola e Juninho
Técnico: Dado Cavalcanti

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha (Jean), Edu Dracena e Antônio Carlos e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima; Willian, Dudu e Deyverson
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Tags: palmeirassp futnacional seriea paranapr