Mais Esportes

PARAPENTE

Governador Valadares confirma Brasileiro de Parapente na próxima semana

Competição foi adiada por duas vezes, em abril de 2020 e 2021, mas com a redução dos casos de COVID-19 na cidade, teve o seu início confirmado para 30 de maio

postado em 22/05/2021 11:30 / atualizado em 22/05/2021 12:25

(Foto: Tim Filho/EM/DA Press)
A primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Parapente, adiada duas vezes (em abril de 2020 e 2021), foi confirmada para acontecer entre 30 de maio e 5 de junho, em Governador Valadares, no Leste de Minas.

Os adiamentos aconteceram por causa das fases agudas da pandemia do novo coronavírus, mas, com o queda no números de casos de COVID-19 no município, os organizadores resolveram realizar a competição.

O Brasileiro de Parapente é organizado pela Confederação Brasileira de Voo Livre (CBVL), e em Governador Valadares acontece no Pico da Ibituruna, considerado pelos pilotos do mundo inteiro, como um dos melhores lugares do planeta para as decolagens de parapente ou asa delta.  

Assim como os campeonatos de futebol, os campeonatos de voo livre tiveram de se adaptar para o período de pandemia do novo coronavírus, com a adoção de várias medidas restritivas para o público e outras de  proteção para os pilotos.

Entre as medidas de restrição estão a interdição do acesso ao Pico da Ibituruna em três pontos para evitar aglomerações. A mosca de pouso dos pilotos será deslocada para a zona rural da cidade, para evitar a aglomeração de pessoas que vão à mosca de pouso da área da antiga Feira da Paz, no centro de Governador Valadares.

Todos os pilotos competidores terão a temperatura corporal aferida antes do embarque para o Pico da Ibituruna, e terão de usar máscaras faciais cobrindo o nariz e a boca.

O briefing, atividade da competição em que os pilotos ficam sabendo das coordenadas sobre as provas, e que é feito de forma presencial, será feito da forma on-line. Para subir ao Pico da Ibituruna, os pilotos serão transportados por ônibus especias, para não usar um veículo de uso da comunidade local.

A Prefeitura de Valadares informou que a realização do campeonato foi autorizada depois da melhora no cenário epidemiológico da cidade, em relação à COVID-19, e pelo compromisso de organizadores e atletas seguirem os protocolos definidos pelo município, baseados no Programa “Minas Evento Seguro” da Secretaria Estadual de Cultura e Turismo de Minas Gerais.

"O Voo Livre é um importante vetor de desenvolvimento para a cidade, sendo uma marca forte do turismo municipal. Sediar essa etapa do campeonato é um respiro também para o setor hoteleiro, que amarga números ruins por conta da Pandemia", informou a prefeitura, em nota.

Mesmo com a liberação, a prefeitura ressalta que vai fiscalizar com rigor o cumprimento de todos os protocolos definidos, para que a atividade esportiva aconteça de maneira a não gerar impacto nos indicadores da pandemia no município.

Tags: Governador Valadares Parapente coronavírus mais esportes Pico da Ibituruna