MMA

UFC

Promessa do Brasil, Walker faz nova vítima no UFC e se lesiona em comemoração

Johnny Walker detona canadense aos 36seg, ganha bônus e leva susto

postado em 03/03/2019 16:55 / atualizado em 03/03/2019 17:04

<i>(Foto: Reprodução/UFC/Facebook)</i>
Nova promessa brasileira do MMA, Johnny Walker, a cada luta, vai confirmando a expectativa de que poderá, muito em breve, disputar o cinturão do UFC. O lutador nascido em Belford Roxo, Rio de Janeiro, fez mais uma vítima ao bater Misha Cirkunov por nocaute técnico, logo aos 36seg de luta, no card preliminar da edição número 235, que agitou Las Vegas nesse sábado.

Veja como foi o nocaute



Foi a terceira vitória consecutiva de Johnny Walker na divisão dos meio-pesados. Em todas, ele teve triunfo convincente ao demolir os adversários logo no primeiro round, com golpes contundentes. Contra Cirkunov, o brasileiro conectou uma joelhada certeira, levando o oponente a knockdown, antes da interrupção do árbitro central, aos 36seg. O curioso é que o lutador da Baixada Fluminense lesionou o ombro esquerdo durante a comemoração. 

<i>(Foto: Reprodução/UFC/Facebook)</i>
"Machuquei um pouco, o meu ombro. Mas não foi nada demais, se eu sobrevivo a mim mesmo, sobrevivo a qualquer um", declarou o brasileiro em entrevista ao Canal Combate, logo depois de uma vitória fulminante. Ele disse ainda que o ombro saiu do lugar quando se jogou ao chão para comemorar a exibição no octógono do UFC. "Já coloquei no lugar e não sinto mais dor", frisou. 

Mais um bônus

A vitória no UFC 235 rendeu a Johnny Walker bônus de US$ 50 mil como 'performance da noite'. Nas duas exibições anteriores, contra Khalil Rountree Jr, na estreia, em Buenos Aires, quando nocauteou a 1min57 de luta, e Justin Ledet (nocaute técnico aos 15seg do primeiro assalto), em Fortaleza, ele também foi premiado como destaque do evento.

Além de Johnny Walker, outro brasileiro foi premiado em Las Vegas pela 'luta da noite'. Pedro Munhoz, que derrotou o ex-campeão peso galo Cody Garbrandt, por nocaute, no fim do primeiro assalto, recebeu os US$ 50 mil de bônus, ao lado do norte-americano.

 

Tags: UFC 235 Johnny Walker Las Vegas Misha Cirkunov ufc comemoração ombro bônus