MMA

UFC

Ex-campeão, TJ Dillashaw sofre corte durante treino e adia retorno ao UFC

Lutador machucou supercílio direito e cancelou volta em 8 de maio

postado em 28/04/2021 09:03

(Foto: Reprodução/Instagram)

Ex-campeão peso galo (61,2kg) do UFC, TJ Dillashaw cumpriu suspensão de dois anos por doping e tinha retorno anunciado para 8 de maio, em duelo contra Cory Sandhagen, em Las Vegas. Entretanto, ele sofreu um corte profundo no superício direito, durante treinamento, e precisou adiar a volta ao octógono da organização. 

Dillashaw exibiu o resultado do acidente sofrido em treino com um post nas redes sociais. Com corte profundo no supercílio direito, TJ lamentou o cancelamento do retorno programado para 8 de maio, mas disse que o duelo contra Sandhagen será remarcado. "Estou triste em dizer que eu tenho que deixar a minha luta do dia 8 de maio devido a um corte ocasionado após uma cabeçada no treino. Vou remarcar a luta o mais cedo possível”, escreveu o ex-campeão.

TJ Dillashaw, de 35 anos, conquistou o cinturão dos galos ao desbancar Renan Barão no UFC 173, em maio de 2014. Ele defendeu o título duas vezes, contra Joe Soto e o mesmo Barão, mas perdeu o posto de campeão diante de Dominick Cruz, em janeiro de 2016. 

TJ se recuperou e engatou sequência de quatro triunfos consecutivos, até ser anunciado desafiante do então campeão dos moscas, Henry Cejudo. Na tentativa de acumular dois cinturões no UFC, Dillashaw foi batido pelo campeão olímpico por nocaute técnico, em janeiro de 2019. Depois, foi flagrado em exame antidoping, que acusou a presença de EPO, o que resultou em pena com suspensão de dois anos. 

 

Tags: corte ufc ex-campeão TJ Dillashaw supercílio cory sandhagen