SPORT

FPF chega a acordo com a Globo para amortizar dívida do Sport por cota de TV da Série B

Clube poderia sofrer bloqueio de R$ 6 milhões, valor repassado para a Série B

postado em 15/05/2019 12:35 / atualizado em 15/05/2019 12:36

<i>(Foto: Ricardo Fernandes/DP/DA/Press)</i>
Após anunciar que o Sport teria a cota de televisionamento de R$ 6 milhões da Série B bloqueada por conta de uma dívida de R$ 18 milhões com a Rede Globo referente a um adiantamento feito na gestão do ex-presidente João Humberto Martorelli, o Presidente da Federação Pernambucana de Futebol, Evandro Carvalho, em entrevista ao Superesportes, afirmou que o Rubro-negro conseguiu amortizar a dívida. 

Desta forma, segundo o mandatário da FPF, o Leão vai desembolsar valores menores ao ano para a Globo, e a condição é de que, quando retornar à Série A, o clube deve quitar todo o débito restante existente. 

“Houve um entendimento entre a Globo de que o Sport vai amortizar a dívida, paulatinamente, pequenas parcelas, até chegar na Série A e quando chegar na Série A, paga o débito restante. Foi preciso haver um entendimento para se flexibilizar e alongar esse pagamento, só isso. Uma pequena parcela vai ser paga todo ano, até o Sport voltar para a Série A”, explicou Evandro. 

“Então, o que aconteceu foi um entendimento de que o Sport não pague agora. Só pague um percentual, bote esse débito para pagar depois, quando ele volte para a Série A, porque não tem como você pagar a metade. Se você pagar a metade, que é R$ 9 milhões, é mais do que você recebe. Se você recebe seis, você não recebe nada para jogar”, finalizou.