SELEÇÃO BRASILEIRA

Gilmar Rinaldi substitui Parreira e é o novo coordenador de seleções da CBF

Anúncio foi feito na manhã desta quinta-feira pelo presidente José Maria Marin

postado em 17/07/2014 11:34 / atualizado em 17/07/2014 13:05

Rafael Ribeiro / CBF
O presidente da CBF, José Maria Marin, anunciou no fim da manhã desta quinta-feira a primeira mudança na Seleção Brasileira. O mandatário do futebol brasileiro anunciou a contratação do ex-jogador Gilmar Rinaldi para o cargo de coordenador de seleções da entidade, substituindo Carlos Alberto Parreira.

"Essa escolha foi feita de plena harmonia entre o atual e futuro presidente da CBF", declarou Marin. Já Gilmar esclareceu que não atua mais como empresário de jogadores, o que poderia gerar um conflito de interesses. "Primeiro quero deixar claro que minha atividade, que exerci por 14 anos, já não exerço mais. Minha atividade agora será somente com a Seleção Brasileira", garantiu.

"Algumas medidas (novas) serão tomadas. O treinador será escolhido em conjunto por mim e pelos presidentes Marin e Del Nero", disse Rinaldi. "Ele irá fazer uma coisa que eu gosto: estudar, se atualizar. Vamos viajar muito, assistir treinamentos interagir com outros treinadores. Nós temos que adaptar métodos bem sucedidos do mundo todo ao nosso estilo e à nossa cultura."

Gilmar já defendeu Internacional, São Paulo, Flamengo e o japonês Cerezo Osaka, além de integrar o elenco tetracampeão mundial em 1994 como terceiro goleiro. Após sua aposentadoria, trabalhou como superintendente do Flamengo e em seguida virou empresário, gerenciando a carreira de atletas.

BASE - Antes do anúncio, o coordenador das categorias de base da Seleção Brasileira, Alexandre Gallo, fez um balanço de como a entidade vem executando os trabalhos da base desde que ele assumiu a coordenação, em fevereiro de 2013. Ele defendeu a unificação de algumas categorias.

Dentre as mudanças, Gallo sugere unir os trabalhos da sub-20 aos da seleção olímpica e mesmo da principal. A ideia é ter um treinador na base ligado diretamente ao técnico da equipe principal.

COLETIVA - Marin chegou para dar entrevista pontualmente às 11 horas nesta quinta. Ele estava acompanhado do presidente eleito da entidade, Marco Polo Del Nero, e de Alexandre Gallo. O presidente abriu a coletiva falando sobre o fim da Copa. "Os comentários (nos jornais), além dos comentários da Copa e tratando do nosso futuro, foram direcionadas principalmente aos cuidados que deveremos ter com nossas categorias de base", disse.

Tags: seriea selefut cruzeiroec atleticomg cbf Gilmar Rinaldi coordenador de seleções