SPORT

Atacante Nicolas, artilheiro do Paysandu, confirma procura feita pelo Sport

Nesta quarta-feira, em entrevista coletiva, o próprio jogador confirmou que foi procurado pelo time pernambucano e não poupou elogios ao Sport

postado em 11/11/2020 14:43 / atualizado em 11/11/2020 17:53

(Foto: Akira Onuma)
No mercado em busca de contratações para a disputa da Série A, o Sport tem como prioridade reforçar o setor ofensivo. Através da imprensa de Belém-PA, surgiu a notícia do interesse no atacante Nicolas, do Paysandu. Nesta quarta-feira, em entrevista coletiva, o próprio jogador confirmou que foi procurado pelo time pernambucano e não poupou elogios ao time. Os clubes da Série A têm até o dia 20 de novembro para inscrever novos atletas na competição.

“Toda e qualquer tipo de proposta que a gente recebe é sempre muito bem vinda. Recebo com muita naturalidade, mas com uma felicidade muito grande pelo fato do nosso trabalho e desempenho estarem sendo reconhecido. Então fico muito feliz por isso, ainda mais vindo de um clube grande, da magnitude que é o Sport, um clube de Série A. Fico muito feliz pelo contato, pelo interesse, porque a gente sempre trabalha muito e espera ser reconhecido”, destacou Nicolas.

Via assessoria de imprensa, o Paysandu se pronunciou confirmando a procura pelo atacante Nicolas, mas não especificou qual foi o clube. “O Paysandu Sport Club confirma que recebeu contato de uma equipe da primeira divisão do futebol brasileiro interessada no atacante Nicolas, que tem vínculo com o clube até o fim de 2022. O Paysandu ressalta ainda que não abrirá mão do atleta sem o pagamento da multa rescisória prevista no contrato firmado entre as partes”, disse a nota.

De acordo com a apuração da reportagem do Diario de Pernambuco, o nome do atacante foi colocado em discussão no Sport, mas o clube não chegou a fazer proposta. Segundo informações da imprensa paraense, Nicolas tem uma multa rescisória considerada alta, em torno de R$ 5 milhões. O jogador tem mais dois anos de contrato com o Paysandu. Defendendo o Papão desde o ano passado, disputou 70 jogos e marcou 26 gols.

Ainda durante a entrevista coletiva, Nicolas deixou a entender que o tempo de contrato e a multa rescisória são alguns dos fatores que complicam sua saída do Paysandu. Seja para o Sport ou outra equipe. “O Sport foi um dos clubes que demonstrou mais interesse. Às vezes os clubes vêm, mas esbarra no Paysandu e acaba desistindo pelo fato de eu ter um contrato longo com o clube”, explicou o atacante.

CARREIRA

Nicolas defende o Paysandu há duas temporadas e foi um dos destaques da Série C do ano passado. Atualmente tem jogado como centroavante, mas também tem facilidade de jogar pelos lados do campo. Aos 31 anos, o atacante não tem grandes clubes no currículo. Revelado nas categorias de base do Juventude em 2007, já defendeu o Criciúma, Chapecoense, Caxias e outros times menores do Rio Grande do Sul.