UAI


Tite convoca Seleção 'sem' jogadores que atuam no Brasil para Eliminatórias

Se superar a Colômbia, em 11 de novembro, no Itaquerão, Brasil crava matematicamente a vaga na Copa do Mundo de 2022

29/10/2021 11:31 / atualizado em 29/10/2021 12:10
compartilhe
Tite deixou de fora jogadores que atuam no Brasil já que as competições estão na fase decisiva
foto: NELSON ALMEIDA/AFP

Tite deixou de fora jogadores que atuam no Brasil já que as competições estão na fase decisiva

O técnico Tite definiu nesta sexta-feira os 23 jogadores que terão a missão de garantir a Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2022, que será no Catar. O Brasil enfrenta a Colômbia, em 11 de novembro, no Itaquerão, e a Argentina, fora de casa, em San Juan, no dia 16, para confirmar a meta de virar o ano já classificado – basta superar os colombianos. Para não atrapalhar os clubes que estão envolvidos em decisões no País, o técnico chamou apenas nomes que atuam no exterior, com exceção do goleiro Gabriel Chapecó, do Grêmio.



Tite deixou de fora, em relação à convocação da rodada tripla de outubro, além dos atletas que atuam no Brasil, o atacante Vinicius Junior, que vem brilhando no Real Madrid. Com impedimento de atuar, o atacante Richarlison, do Everton, não volta agora.

As novidades, além de Gabriel Chapecó, para compor o grupo são os retornos de Roberto Firmino, do Liverpool, e Philippe Coutinho, do Barcelona. A volta de Firmino era certa após ele se recuperar de lesão e já se destacar nos últimos confrontos do time inglês. Coutinho começou a jogar no clube espanhol agora, após oito meses tratando lesão.

Com 31 pontos após ganhar 10 dos 11 jogos disputados, o Brasil se garante na Copa do Mundo de 2022 se ganhar dos colombianos, pois não conseguirá mais ser alcançado pelo quinto lugar, que ainda terá chance disputando a repescagem.

Tite havia chamado sete atacantes na rodada passada pelo fato de Neymar estar suspenso do primeiro compromisso, na visita à Venezuela, e com a chance de perder alguém suspenso. Desta vez foram chamados seis, com a surpreendente ausência de Vinícius Júnior, do Real Madrid, e com Matheus Cunha, na reserva do Atlético de Madrid, entre os chamados.

Apesar de chamar apenas Gabriel Chapecó dos que atuam no Brasil, em caso de alguma lesão o substituto será chamado de times daqui, como informou o coordenador Juninho Paulista, por causa da facilidade de deslocamento.

Confira a lista de convocados da Seleção Brasileira:

Goleiros - Alisson (Liverpool-ING), Ederson (Manchester City-ING) e Gabriel Chapecó (Grêmio);

Laterais - Alex Sandro (Juventus-ITA), Danilo (Juventus-ITA); Emerson (Tottenham-ING) e Renan Lodi (Atlético de Madrid-ESP);

Zagueiros - Éder Militão (Real Madrid-ESP), Lucas Veríssimo (Benfica-POR), Marquinhos (Paris Saint-Germain-FRA) e Thiago Silva (Chelsea-ING);

Meio-campistas - Casemiro (Real Madrid-ESP), Fabinho (Liverpool-ING), Fred (Manchester United-ING), Gerson (Olympique de Marselha-FRA), Lucas Paquetá (Lyon-FRA) e Philippe Coutinho (Barcelona-ESP);

Atacantes - Antony (Ajax-HOL), Roberto Firmino (Liverpool-ING), Gabriel Jesus (Manchester City-ING), Matheus Cunha (Atlético de Madrid-ESP), Neymar (Paris Saint-Germain-FRA) e Raphinha (Leeds United-ING).
Compartilhe