UAI

2

Pia comanda primeiro treino da Seleção Brasileira de olho em amistosos

Em Copenhagen, grupo brasileiro trabalhou com as 22 convocadas para jogos contra Dinamarca, no dia 24, e Suécia, em 29 deste mês

21/06/2022 19:21
compartilhe
Pia Sundhage prepara Seleção para os amistosos contra Dinamarca e Suécia
foto: Lucas Figueiredo/CBF

Pia Sundhage prepara Seleção para os amistosos contra Dinamarca e Suécia



A técnica Pia Sundhage comandou nesta terça-feira a primeira atividade da Seleção Brasileira Feminina de olho nos amistosos contra Dinamarca e Suécia. O treino aconteceu no período da tarde, no Rundforbi Stadium, em Copenhagen.

A Seleção Feminina realiza mais um treino nesta quarta-feira, às 17h (de Brasília), no Rundforbi Stadium. O amistoso contra a Dinamarca será no dia 24, no Estádio Parken, enquanto a partida contra a Suécia será no dia 29, na Friends Arena, em Estocolmo.

Com a chegada de Debinha e Kerolin pela manhã, a atividade desta terça-feira contou com 22 atletas convocadas. A defensora Thais, do Palmeiras, se apresentou ao longo da tarde e não participou do treinamento por conta do desgaste da viagem.

Na primeira etapa do treino, Pia priorizou a atividade de suporte e apoio, que tem como objetivo a precisão no passe e ajuda na movimentação com e sem bola. Logo após, a sueca optou por um trabalho de transição ofensiva e defensiva de oito contra cinco, alternando ações de ataque e defesa. Em seguida, o grupo atuou em um coletivo de 11 contra 11.

Duda Sampaio, de apenas 21 anos, falou sobre a sensação de ser convocada para a Seleção Brasileira principal em entrevista coletiva.

"Estou muito feliz por estar aqui neste momento. Desde o início, tive a oportunidade de evoluir muito com as passagens pela Seleção Sub-17 e, principalmente, pela Sub-20, onde integrei um período mais longo de convocações. Para a Seleção Principal, acredito que (a oportunidade) vem muito do trabalho dentro do clube, o Internacional tem me ajudado muito a crescer. Como já disse em outras entrevistas, é um momento em que me sinto mais preparada. Espero poder contribuir da melhor maneira, mostrar meu futebol, o motivo de eu ter chegado até aqui e manter o mesmo nível para ser chamada novamente", enfatizou.

"Tenho jogado muito no meio-campo na função de segunda volante. Consigo ajudar tanto na saída, na construção e ainda me possibilita de chegar para a finalização. É uma posição que me sinto confortável e espero sair com alguns gols também (risos). Ser convocada é um sonho e espero estar à altura disso. Espero que seja a primeira de muitas para que eu possa me firmar ainda mais como atleta, como uma profissional de futebol. Quero contribuir da melhor maneira possível. A Seleção tem toda uma história, principalmente com a camisa 10. Espero conseguir construir a minha ao longo do tempo", completou a jogadora do Internacional.

Compartilhe