UAI

2

Celtics x Warriors: Curry confirma que jogará apesar de lesão no pé

Equipes se enfrentam nesta sexta-feira, a partir das 22h, no TD Garden, em Boston, Massachusetts

10/06/2022 09:28
compartilhe
Curry estava entre os titulares dos Warriors que não jogaram nos minutos finais contra o Boston, que venceu por 116 a 100 na quarta-feira
foto: MARK BLINCH / NBAE / via AFP

Curry estava entre os titulares dos Warriors que não jogaram nos minutos finais contra o Boston, que venceu por 116 a 100 na quarta-feira


O astro do Golden State Warriors, Stephen Curry, confirmou que disputará o quarto jogo das finais da NBA, nesta sexta-feira, apesar de ter sofrido uma lesão no pé na derrota para o Boston Celtics na quarta.



Curry estava entre os titulares dos Warriors que não jogaram nos minutos finais contra o Boston, que venceu por 116 a 100 na quarta-feira
foto: MARK BLINCH / NBAE / via AFP

Curry estava entre os titulares dos Warriors que não jogaram nos minutos finais contra o Boston, que venceu por 116 a 100 na quarta-feira

"Vou jogar", disse Curry no treino da última quinta. "Isso é tudo que eu sei agora", acrescentou.

Os Warriors perdem por 2 a 1 na série de melhor de sete partidas, indo para o jogo 4 nesta sexta-feira no TD Garden de Boston.

Curry estava entre os titulares dos Warriors que não jogaram nos minutos finais contra o Boston, que venceu por 116 a 100 na quarta-feira.

Ele liderava os Warriors com 31 pontos antes de machucar o pé no momento em que vários jogadores perseguiam uma bola solta.

Curry esclareceu que a lesão lembra a entorse no pé que sofreu em março e que nenhum exame médico foi realizado.

"Como passei pelo que passei na temporada regular e voltando, sei exatamente o que é e com o que tenho que lidar, o nível de dor e tudo isso", disse ele.

"Então, depois de fazer o exame ontem à noite, eu soube que não precisava fazer mais testes só porque já havíamos passado por isso antes", acrescentou.

Curry acrescentou que seu tratamento até agora consistia em "cerca de 10 horas e meia de sono e alguns mergulhos no cubo de gelo".

"Eu soube imediatamente que a lesão era menos grave do que a anterior", acrescentou.

Compartilhe