CRUZEIRO X VILLA NOVA

Alheio a imbróglio sobre acessibilidade, cadeirante 'estreia' no Mineirão e aprova

Estudante Christopher Peres, de 17 anos, disse que não encontrou dificuldades

postado em 08/05/2013 21:02 / atualizado em 08/05/2013 21:09

<i>(Foto: Gilmar Laignier/Superesportes)</i>


A noite desta quarta-feira foi especial para um torcedor cruzeirense no Mineirão. O estudante Christopher Peres, de 17 anos, foi a um estádio de futebol pela primeira vez na vida. A bordo de sua cadeira de rodas e acompanhado do primo Gustavo Santos, de 15 anos, Christopher se divertiu e aprovou a visita ao Gigante da Pampulha.

Embora não seja conhecedor das leis de acessibilidade, o torcedor aprovou o tratamento recebido no Mineirão. Segundo ele, os funcionários da Minas Arena foram atenciosos e indicaram o local correto para sua permanência.

"Só tive um pouco de dúvida sobre onde parar o carro. Depois disso, me orientaram muito bem dentro do estádio, foram muito educados desde a chegada até o final, me encaminharam durante todo o trajeto ao local onde eu deveria ficar. Por mim está aprovado", disse o jovem.

O cadeirante comprou ingresso para o setor amarelo inferior e pagou R$ 45 na meia-entrada. O pai o deixou no estádio de carro, com o primo, e ficou de buscá-lo no final da partida. Pela experiência positiva, Christopher acredita que o fechamento do Mineirão é desnecessário.

"No meu caso, foi tudo ótimo, estou gostando muito da experiência, fui bem recebido e estou adorando o local para assistir. Acho que interditar o estádio é bobagem. Não sei a experiência de outros cadeirantes, mas a minha foi ótima, não tenho nada a reclamar", disse.

O Superesportes procurou outros cadeirantes na noite desta quarta-feira, no Mineirão, mas Christopher foi o único encontrado.

Tags: interior copa2014 copa2013 novoindependencia novomineirao acessibilidade aprova cadeirante mp mineirão imbróglio