UAI

2

Internacional vence o São Paulo e assume liderança do Brasileirão Feminino

Inter faz 2 a 0 diante do São Paulo, no Beira-Rio, e chega aos nove pontos, na ponta isolada; tricolor perde a primeira

21/03/2022 22:45
compartilhe
Gurias vencem o tricolor em casa e lideram o Brasileiro Feminino com 100% de aproveitamento
foto: João Callegari/Internacional

Gurias vencem o tricolor em casa e lideram o Brasileiro Feminino com 100% de aproveitamento


O São Paulo foi derrotado, nesta segunda-feira, pela primeira vez no Campeonato Brasileiro Feminino. No Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela terceira rodada, o Tricolor perdeu por 2 a 0 para o Internacional, que assumiu a liderança isolada da competição, com 100% de aproveitamento.

O time paulista, que tinha conquistado na semana passada a primeira vitória ao bater em casa o Real Brasília, do Distrito Federal, ficou estacionado nos quatro pontos, caindo da terceira para a oitava colocação, justamente a última que dá a classificação às quartas de final.

Com nove pontos, o Internacional se isolou na ponta porque o outro time que estava com uma campanha perfeita na competição - a Ferroviária, de Araraquara (SP) - ficou no empate por 1 a 1 com o Flamengo, também nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro. A equipe do interior paulista fica em segundo lugar por ter melhor saldo de gols (3 a 2), mas tem agora a companhia de Corinthians e Palmeiras na pontuação geral.

Pela quarta rodada, os dois times jogarão no próximo domingo. Às 15h, no CT Laudo Natel, em Cotia (SP), o São Paulo receberá o Grêmio. Mais tarde, às 18h, o Internacional fará o confronto das duas melhores equipes da competição até agora contra a Ferroviária, na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara.

Em campo, o Internacional mostrou superioridade e venceu com um gol em cada tempo. No primeiro, logo aos cinco minutos, Duda encontrou a atacante Millene livre pela direita, que invadiu a área e bateu entre as pernas da goleira Carla Maria. Depois do intervalo, aos 13, o segundo foi marcado pela zagueira Bruna Banites, a capitã colorada, de cabeça após escanteio da direita.

Compartilhe