UAI

2

Argentina bate Paraguai, fica em terceiro na Copa América e vai ao Mundial

Hermanas saem atrás, mas buscam virada, garantem o terceiro lugar na competição sul-americana e se classificam para Copa do Mundo de 2023

30/07/2022 00:05
compartilhe
Seleção Argentina garante pódio na Copa América e festeja vaga na Copa do Mundo
foto: Paola Mafla/AFP

Seleção Argentina garante pódio na Copa América e festeja vaga na Copa do Mundo



A Argentina venceu o Paraguai por 3 a 1, nesta sexta-feira, no Estádio Centenário de Armênia, na Colômbia, na disputa do terceiro lugar da Copa América Feminina. Além de garantir presença no pódio, as argentinas se classificaram para a Copa do Mundo de 2023. Romina Núñez (contra), abriu o placar para as paraguaias, enquanto Yamila Rodríguez (duas vezes) e Florencia Bonsegundo viraram para as hermanas.

Assim, a Argentina, com o terceiro lugar conquistado, garantiu a terceira e última vaga da competição para o Mundial, que ocorre de 20 de julho a 20 de agosto de 2023, na Austrália e Nova Zelândia. Esta será a quarta vez das argentinas no torneio entre seleções.

Já pelo lado do Paraguai, a equipe ainda busca sua primeira participação na competição através da repescagem - dividida em três grupos, dois com três equipes e um com quatro, e que separa duas vagas para Ásia, África, Américas Central e do Norte, e América do Sul; e uma para Oceania e Europa.

Além disso, as outras duas equipes classificadas à Copa do Mundo são o Brasil e Colômbia, que fazem a final da Copa América no neste domingo, às 21h (de Brasília). Brasileiras e colombianas também estão garantidas nos Jogos Olímpicos de 2024, em Paris. 

O JOGO


Após boas chegadas de ambos lados, o Paraguai criava mais e levava mais perigo ao gol adversário. Assim, aos 38 minutos, Jessica Martínez recebeu passe e bateu forte. Entretanto, a bola explodiu no travessão, com desvio da goleira Vanina Correa.

Na cobrança do escanteio, Limpia Fretes se atirou na bola e desviou na segunda trave. A meia argentina Romina Núñez tentou afastar, mas acabou jogando contra a própria meta e marcou contra, abrindo o marcador da partida.

Na volta do intervalo, a Argentina mudou a postura e partiu para o ataque. Logo aos três minutos, assustou com um chute no travessão e, aos sete, Yamila Rodríguez fez bela jogada, mas teve o chute travado.

Cinco minutos depois, a resposta paraguaia. Novamente a camisa dez Jessica Martínez recebeu passe na entrada da área e disparou um chute de direita. A bola, mais uma vez, explodiu no travessão. Desta vez, sem o desvio da goleira.

Quando o jogo parecia que não teria mais tanta emoção, entretanto, a Argentina empatou. Aos 33 da etapa complementar, Yamila Rodríguez recebeu lançamento e saiu cara a cara com a goleira Bobadilla. A camisa 11 então apenas tocou na saída da arqueira e deixou tudo igual em Armênia.

A virada das hermanas então aconteceu já nos acréscimos. Aos 45 minutos, Florencia Bonsegundo bateu falta da entrada da área no canto de Bobadilla. A goleira, que já tinha dado um passo para o lado, não conseguiu a recuperação e a bola morreu no fundo da rede.

Por fim, um minuto depois, Yamila Rodríguez foi novamente colocada em profundidade e saiu na cara da goleira paraguaia em lance muito parecido com o primeiro gol argentino. A camisa 11, desta vez, driblou Bobadilla para fazer o 3 a 1 e sacramentar a vaga da Argentina no Mundial.

Compartilhe