Seleção

ARENA DE PERNAMBUCO

Por jogo da Seleção, Arena ficará 'exclusiva' para CBF por 22 dias; Estadual deve ser afetado

Estádio receberá partida entre Brasil e Bolívia, no dia 27 de março, válida pela primeira rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar

postado em 20/02/2020 15:57

(Foto: Paulo Paiva/DP Foto)
A 36 dias do jogo de estreia do Brasil nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, a Arena de Pernambuco, palco da primeira partida, contra a Bolívia, já se prepara para o evento. Segundo o diretor-geral do estádio de São Lourenço da Mata, Kléber Borges, o esforço, em primeiro momento, está centrado na recuperação do gramado, tendo poucos ajustes estruturais a se fazer. A partir do dia 6 de março, 22 dias antes do confronto, o espaço ficará sob controle da CBF, forçando dois jogos do Pernambucano a serem realocados.

“Preparação específica para o jogo, hoje, só estamos fazendo o gramado, porque eu estou esperando a CBF chegar ainda para fazer uma parte de estrutura. Na verdade, eles vão mais envelopar (aplicar os designs da CBF e das Eliminatórias) o estádio, deixar tudo organizado. Antes da CBF assumir, que vai ser no dia 6 de março, que eles ficam com a gente até o dia do jogo e o estádio vai ficar exclusivo, a preparação que estamos fazendo é só gramado”.

Com a grama ainda visualmente danificada, após receber o evento religioso da Obra de Maria, um mês atrás, Kléber Borges reforçou que o trabalho de recuperação já está em andamento. Segundo o diretor-geral, o campo já apresentou entre as partidas de Sport contra Central (28 de janeiro) e Vitória/PE contra Petrolina (19 de fevereiro).

“Depois disso (Obra de Maria), quando teve o jogo do Sport, visualmente o gramado estava ruim, mas já estava todo gramado, agora que a gente está fazendo os cuidados e preparações para um jogo internacional. Mas quem viu o jogo entre Vitória/PE e Petrolina, já viu que a gente já está trabalhando com um gramado baixo, na altura que se joga na Copa do Mundo, que são 22 mm. A gente quer fazer isso bem antecipadamente para CBF e a FIFA já pegarem o gramado todo pronto e a gente só fazer manutenção até o dia do jogo”.

No intervalo que a Arena de Pernambuco estará sob o comando da CBF, dois jogos estão marcados para o estádio. Em 8 de março, o Vitória das Tabocas receberá o Salgueiro, enquanto, o Retrô manda o jogo contra o Petrolina no dia 25. 

“Tem jogo do Vitória e do Retrô, mas esses jogos não vão mais ser com a gente não. Esses jogos já estavam programados desde antes da escolha do Recife (como sede do jogo contra a Bolívia), mas agora, a gente tem que fazer a sequência do estádio para a preparação exclusiva do jogo, que é um jogo muito importante”, afirmou Kléber.

Segundo o diretor de competições da FPF, Murilo Falcão, ainda não há definição sobre esses jogos, algo que tem que ser organizado pelos clubes. Existe, então, a possibilidade de se transferir os jogos ou remarcá-los. Neste estadual, o Vitória já mandou partidas no Lacerdão, em Caruaru, enquanto o Retrô já recebeu jogos nos Aflitos, no Recife. 

OS JOGOS MARCADOS PARA A ARENA

20/02 - Retrô x Decisão (Pernambucano)
26/02 - Santa Cruz x Freipaulistano (Copa do Nordeste)
01/03 - Retrô x Vitória/PE (Pernambucano)
*08/03 - Vitória/PE x Salgueiro (Pernambucano) 
*25/03 - Retrô x Petrolina (Pernambucano)
27/03 - Brasil x Bolívia (Eliminatórias)
 * Jogos que terão que ser remarcados ou realocados