SANTA CRUZ

Milton Mendes comemora vitória, mas reclama da atuação do Santa Cruz contra o Globo

Para treinador, aspecto emocional segue prejudicando o desempenho dos jogadores

postado em 18/08/2019 21:20 / atualizado em 18/08/2019 21:27

<i>(Foto: Peu Ricardo/DP)</i>
Mais feliz com o resultado do que com a atuação. Foi dessa forma que o técnico Milton Mendes resumiu a sua análise da vitória do Santa Cruz sobre o Globo por 2 a 1, neste domingo, na Arena de Pernambuco. O resultado deixa o Tricolor vivo para a última rodada da primeira fase da Série C. Para avançar às quartas, os corais precisarão vencer o clássico contra o já classificado Náutico, nos Aflitos, e torcer por um tropeço de Confiança ou Imperatriz, contra Ferroviário e Sampaio Corrêa, respectivamente.

Na opinião do treinador, o fator emocional foi o principal adversário do seu time na partida. “Fizemos um primeiro tempo bom. Mas depois do gol notei que a equipe estava insegura e cedendo muito espaço no meio. Por isso optei pela troca do Jailson pelo Kadu (aos 30 minutos) e essa troca deu a consistência que eu queria. No intervalo eu procurei tranquilizar os meninos, mas emocionalmente eles estão afetados”, afirmou Milton.

“Eles não estão rendendo o que podem render. Estão lutando, se dedicando e isso nos tem dado frutos. Mas não adianta só ter vontade. Estou mais feliz pelo resultado do que pela atuação. Não poderíamos ter sofrido tanto. Como vai ser no mata-mata? Como vai ser lá na frente quando enfrentarmos um adversário mais cascudo? Essa semana priorizei o emocional e mesmo assim foi pouco. Vamos ter que trabalhar mais ainda”, pontuou.

“Se na Arena, um campo maravilhoso, com tudo a nosso favor, nosso time ainda esteve inseguro e intranquilo, imagina como será quando tivermos 20 mil pessoas contra nós?”, continuou o comandante coral.

Para o clássico contra o Náutico, o treinador terá à disposição o atacante Dudu, que cumpriu suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Outra expectativa fica por conta do aproveitamento do artilheiro Pipico, que deve iniciar nesta segunda-feira a transição junto ao departamento médico, após se recuperar de lesão muscular.