Berrío é regularizado no BID, mas tem estreia indefinida no América

Atacante colombiano aprimora forma física antes de primeiro jogo pelo Coelho

03/08/2021 17:40
compartilhe
Regularizado no BID, Berrío ainda busca condição física ideal para estrear no América
foto: João Zebral/América

Regularizado no BID, Berrío ainda busca condição física ideal para estrear no América

 
O atacante colombiano Orlando Berrío, do América, foi regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na tarde desta terça-feira (3). Ainda que esteja apto a entrar em campo para defender as cores do Coelho, o atleta de 30 anos tem estreia indefinida por não estar na forma física ideal.
 
Com a abertura da janela internacional de transferências, Berrío pôde, finalmente, ser regularizado para voltar a atuar pela Série A do Campeonato Brasileiro.  Ele não disputa uma partida oficial desde março de 2020, quando defendeu o Flamengo por 25 minutos num clássico com o Botafogo.
 
Neste domingo, após empate em 1 a 1 com o Atlético-GO, o técnico Vagner Mancini falou sobre a situação do atacante. Ele reafirmou o zelo da comissão técnica para aguardar até que Berrío chegue às condições físicas ideais.
 
"A situação do Berrío é um pouquinho diferente. Ele pode jogar a partir de agora por causa da abertura da janela, onde todos os atletas de fora estão liberados, porém o atleta ainda tem um déficit muscular. Dentro do planejamento de treinamento e metodologia, eu acredito que para domingo o atleta ainda não estará em condições para atuar", afirmou.
 
"Claro que durante a semana há uma alteração. Ele já ganhou muita coisa desde que chegou aqui, mas é um atleta que vinha de uma inatividade e nós precisamos tomar cuidado. Não queremos que o Berrío estreie e corra risco de se lesionar. Por isso, estamos fazendo com calma e cautela para o atleta estrear e ter sequência de jogos", completou.
 
A melhor temporada da carreira de Berrío foi em 2016, quando se sagrou campeão da Copa Libertadores pelo Atlético Nacional, da Colômbia. Naquele ano, o atacante marcou 17 gols em 52 partidas e despertou o interesse do Flamengo, que o contratou em janeiro de 2017 por US$3,5 milhões (R$11 milhões na época). No rubro-negro, o ponta não repetiu o desempenho e balançou a rede apenas sete vezes em 81 jogos.
 
De julho de 2020 a maio de 2021, Berrío passou pelo Khor Fakkan, dos Emirados Árabes Unidos, porém não disputou uma partida sequer. No América, ele terá a missão de ajudar na luta contra o rebaixamento, já que o time começou mal o Brasileirão e ocupa o 18º lugar, com 11 pontos em 14 jogos (duas vitórias, cinco empates e sete derrotas).

Compartilhe