UAI

2

América é derrotado pelo Villa Nova em casa e segue fora do G4 do Mineiro

Coelho poupa titulares para decisão na Libertadores, perde por 1 a 0 e se complica na reta final da fase classificatória

05/03/2022 18:26 / atualizado em 05/03/2022 19:33
compartilhe
Gustavo Crecci marcou o gol da vitória do Villa Nova no Independência
foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press

Gustavo Crecci marcou o gol da vitória do Villa Nova no Independência

O América tropeçou na última partida antes de decisão na Copa Libertadores. Neste sábado, o Coelho atuou com formação alternativa e acabou derrotado pelo Villa Nova, no Independência, pela nona rodada do Campeonato Mineiro. O gol do jogo foi marcado por Gustavo Crecci,  aos 24 minutos do segundo tempo. O revés em casa mantém a equipe de Marquinhos Santos fora do G4 do Estadual a dois jogos do fim da fase classificatória. 



O América fica na quinta posição do Mineiro, com 14 pontos. O Coelho está a um ponto da Caldense, que completa o G4 e joga contra o Democrata na rodada, neste domingo, em Poços de Caldas. Já o Villa Nova ocupa o sexto lugar, com 12.  Veja a classificação completa do Estadual. 

No próximo desafio, o América tem pela frente o Barcelona, do Equador, no jogo de ida pela terceira fase preliminar da Copa Libertadores. A primeira partida do mata-mata valendo vaga nos grupos do torneio será nesta terça-feira (8/3), às 21h30, no Independência. Por esse motivo o técnico Marquinhos Santos poupou os titulares diante do Leão.

Já pelo Estadual, o Coelho volta a campo somente no domingo que vem (15/3), contra o Uberlândia, no Parque do Sabiá, em busca da vitória para manter as chances de classificação às semifinais. No mesmo dia, o Villa Nova recebe o  Patrocinense no Castor Cifuentes, em Nova Lima, pela rodada seguinte do Mineiro. 

América x Villa Nova: fotos do jogo no Independência pelo Mineiro



O jogo - Com escalação alternativa, o América criou poucas oportunidades no primeiro tempo e viu o Villa Nova muito perto de abrir o placar no Horto. A primeira chegada de perigo do Leão foi com Branquinho, aos 17 minutos, em forte chute que passou próximo ao gol de Airton. Aos 33', o lateral Lucas Hipólito fez boa jogada pela esquerda e obrigou o goleiro americano a realizar ótima defesa em finalização cruzada. 

Mais efetivo em campo, o Villa Nova balançou as redes no Independência aos 43 minutos. No entanto, por impedimento, o árbitro anulou o belo gol de coberturamarcado pelo atacante Branquinho. Nos acréscimos, o arqueiro alviverde ainda assustou a torcida ao perder a bola dentro da área, mas conseguiu se recuperar a tempo e segurar o arremate de Hipólito, no rebote. 

O técnico Marquinhos Santos fez duas mudanças no América para o segundo tempo: saíram Índio Ramírez e Zé Ricardo para as entradas de Gustavinho e Juninho Valoura. As alterações melhoraram o desempenho do América, que teve oportunidades de marcar com Rodolfo e o próprio Gustavinho - ambas as finalizações pararam nas mãos de Glaycon. O goleiro do Villa voltou a trabalhar bem em cabeceio do zagueiro Germán Conti, que aproveitou cobrança de falta de Juninho Valoura. 

Apesar das investidas americanas, o Villa Nova definiu o jogo aos 24 minutos. O meia Gustavo Crecci recebeu na entrada da área e bateu para o gol. A bola desviou em Germán Conti e enganou o goleiro Airton, vendido no lance: 1 a 0. Em desvantagem, o América buscou o empate, pressionou, mas parou na  barreira defensiva do time de Nova Lima. 

América x Villa: confraternização das torcidas no Independência



América 0 x 1 Villa Nova


América: Airton; Raúl Cáceres (Arthur), Conti, Gustavo Marques e João Paulo; Zé Ricardo (Juninho Valoura), Rodriguinho e Índio Ramírez (Gustavinho); Pedrinho, Matheusinho, Kawê (Henrique Almeida) e Rodolfo (Adyson). Técnico: Marquinhos Santos

Villa Nova: Glaycon; Danilo Belão, Diego Landis, Kadu e Hipólito; Wesley, Leandro Salino (Pedro Henrique), Gustavo Crecci (Maurício Mucuri), Renan Mota (Thomazel) e Branquinho (Bruninho); Thiago Mosquito (Alessandro Vinícius). Técnico: Cícero Junior

Gol: Gustavo Crecci (Villa Nova), aos 24'2ºT
Cartões amarelos: Zé Ricardo, Rodriguinho e Matheusinho (América); Kadu, Lucas Hipólito, Gustavo Crecci, Leandro Sabino e Thomazel (Villa Nova)

Motivo: 9ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: sábado, 5 de março de 2022
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte

Árbitro: André Luiz Skettino Policarpo Bento
Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Magno Arantes Lira

Público: 1.858
Renda: R$ 21.990,00


Compartilhe