Atlético x Palmeiras: comentarista detona Abel e o chama de supremacista

Eugênio Leal disse que treinador português falou um monte de 'besteira' após a classificação do clube paulista para a final da Copa Libertadores

30/09/2021 09:40 / atualizado em 30/09/2021 10:21
compartilhe
Comentarista detonou o treinador português
foto: Reprodução

Comentarista detonou o treinador português

O técnico Abel Ferreira , do  Palmeiras , foi chamado de supremacista pelo comentaristas Eugênio Leal , da ESPN Brasil. De acordo com o jornalista, o treinador português falou um monte de 'besteira' após a classificação do clube paulista para a final da  Copa Libertadores . O Verdão empatou com o  Atlético  por 1 a 1, no Mineirão, na terça-feira, e conseguiu a vaga para a decisão do torneio continental.

"Se Abel durante o jogo conseguiu conseguiu limpar a emoção, se conseguiu estar frio, eu acho que depois ele também devia ter tido cabeça para não falar um monte de besteira. Falou um monte de besteira, Abel. E a gente nem colocou a maior parte das besteiras que ele falou, porque ele foi supremacista quando ele exalta a Europa contra a América do Sul, quando ele fica batendo no peito pra falar de Portugal, Portugal tem isso, tem aquilo, tem Mourinho, tem Cristiano Ronaldo, etc", disse Eugênio Leal.


"Dá uma olhadinha na história do futebol brasileiro antes de falar, Abel. Quando ele sugere que o brasileiro em geral é desinteressado, não quer se esforçar, o Brasil é do jeito que é, gostando dele ou não, achando bom ou não, uma consequência do que Portugal, o seu Portugal fez aqui. O seu Portugal se apossou das terras, levou as riquezas, cometeu genocídio contra os povos originários, trouxe pra cá e escravizou os africanos, quando o príncipe fugiu das tropas de Napoleão e trouxe para cá 15 mil penduricalhos, que eram nobres da corte e viviam em volta do poder real, e o Brasil se construiu a partir daí também, de um português que declara independência e depois se manda, deixando o Brasil nas mãos de uma criança. Então, Portugal tem muito a ver com isso que você reclama do brasileiro aqui, pare um pouquinho para pensar", acrescentou o comentarista.

Na entrevista coletiva após a vitória sobre o Atlético, Abel Ferreira fez questão de exaltar o seu nacionalismo português e enalteceu a mentalidade europeia. "Esta é a diferença entre um rato e um homem. É você acreditar no seu trabalho. Eu sou português com muito orgulho, sou europeu com muito orgulho. Temos os melhores treinadores do mundo, o Mourinho. Temos os melhores árbitros do mundo, que foi Pedro Proença. Temos o presidente mais titulado do mundo. E temos um dos melhores jogadores do mundo, que é o Ronaldo. Quando vocês olham para o Cristiano Ronaldo, o que vêm nele? Uma força mental terrível, uma disciplina de trabalho terrível, insaciável em querer fazer mais e melhor. Essa é a mentalidade portuguesa, a mentalidade europeia. Disso, eu não vou abdicar nunca", disse Abel.



Compartilhe