UAI

2

América vence Atlético-GO, encerra sequência negativa e deixa Z4 da Série A

Coelho segura pressão no fim e bate o Dragão fora de casa, com gol de Felipe Azevedo; time mineiro vinha de três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro

24/07/2022 19:56 / atualizado em 24/07/2022 20:46
compartilhe
América venceu o Atlético-GO por 1 a 0 no Castelo do Dragão
foto: Estevão Germano/América

América venceu o Atlético-GO por 1 a 0 no Castelo do Dragão


Com gol solitário de Felipe Azevedo, o América venceu o Atlético-GO por 1 a 0 neste domingo (24), no Castelo do Dragão, pela 19ª e última rodada do turno no Campeonato Brasileiro. A vitória tirou a equipe mineira da zona de rebaixamento e deu um 'respiro' na Série A. 



O América foi melhor no primeiro tempo e abriu o placar aos 33', após bela assistência de Éder para Azevedo. Na segunda etapa, o time recuou as linhas, sofreu grande pressão do Atlético-GO, mas conseguiu segurar a vitória. 

Com o triunfo, o Coelho encerrou a sequência negativa de três derrotas na competição e subiu para a 14ª posição, com 21 pontos. A equipe, no entanto, pode perder posições a depender do resultado final da partida entre Coritiba (17º) e Cuiabá (16º), que será disputada nesta segunda-feira, às 20h, no Couto Pereira.

Atlético-GO x América: fotos do jogo pela Série A



O Atlético-GO, por sua vez, permanece em 18º lugar, o mesmo que estava no início da rodada, com 17 pontos.
 
O América volta a campo na quinta-feira, às 20h, para enfrentar o São Paulo no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O confronto será disputado no Morumbi, em São Paulo. Pelo Brasileirão, o Coelho receberá o Avaí no domingo que vem, às 18h, no Independência.

A próxima partida do Dragão também será pelas quartas de final da Copa do Brasil. A equipe goiania mede forças com o Corinthians na quarta-feira, às 21h30, no Castelo do Dragão.

Primeiro tempo 'americano'


O América iniciou o confronto com mudanças no time titular. Além das voltas de Luan Patrick, Marlon e Lucas Kal, o técnico Vagner Mancini surpreendeu com a entrada do jovem Arthur na ponta direita. 

Apesar do equilíbrio inicial, o Coelho foi ligeiramente melhor nos primeiros minutos e chegou a abrir o placar aos 9'. Arthur recebeu escanteio curto na ponta esquerda, cruzou na pequena área, e o zagueiro Camutanga marcou contra, de cabeça. 

No entanto, o árbitro de vídeo indicou a condição irregular de Henrique Almeida, que disputou a bola com o defensor. Dono do apito, Jean Pierre foi chamado à cabine do VAR e anulou o gol do time americano.

A primeira grande chance do América após o gol foi apenas aos 27'. Novamente em bom cruzamento de Arthur, Juninho cabeceou no meio da área, e Henrique Almeida chutou de voleio para defesa de Ronaldo.

O Coelho voltou a balançar a rede aos 33'. Éder deu bela assistência para Felipe Azevedo finalizar cruzado na entrada da área, no canto direito do goleiro e abrir o placar: 1 a 0. 

Dois minutos depois, o Atlético-GO quase empatou. Jorginho cruzou na grande área, a bola passou por Cavichioli, mas Marlon tirou em cima da linha. 

Os mineiros também tiveram uma grande chance de ampliar na sequência. Após cruzamento de Cáceres, Henrique não alcançou a bola na pequena área, e o primeiro tempo se encerrou com vitória dos visitantes.

Pressão do Dragão, mas vitória do Coelho


Com quatro alterações no time, o Atlético-GO voltou pressionando o América. Logo aos 5', Wellington Rato quase marcou para os donos da casa. O atacante recebeu livre na área, finalizou cruzado, no alto, mas Cavichioli fez grande defesa.

Aos 17', o Dragão assustou novamente com Peglow - um dos jogadores que entraram no segundo tempo. Em bate e rebate na área americana, ele finalizou de chapa e acertou o travessão.

Ao observar a pressão sofrida pelo time, Mancini sacou Arthur e Cáceres para as entradas de Everaldo e Patric. Pouco depois, tirou Azevedo e colocou o zagueiro Iago Maidana. Mesmo reforçado na zaga e com mais fôlego na frente, o Coelho seguiu pior na partida, tentando explorar os contra-ataques.

O América recuou as linhas nos minutos finais e sofreu pressão do Atlético-GO. O Dragão tentou com bolas áreas, finalizações de longe e jogadas pelas laterais, mas o Coelho conseguiu segurar o placar.

ATLÉTICO-GO 0 X 1 AMÉRICA

 
Atlético-GO
Ronaldo; Hayner (Dudu, no intervalo), Édson, Camutanga (Diego Churin, aos 26' do 2ºT) e Arthur Henrique (Jefferson, no intervalo); Willian Maranhão (Peglow, no intervalo), Marlon Freitas e Jorginho; Airton (Kelvin, no intervalo), Ricardinho e Wellington Rato
Técnico: Jorginho
 
América
Matheus Cavichioli; Raúl Cáceres (Patric, aos 18' do 2ºT), Éder, Luan Patrick (Conti, aos 26' do 2ºT) e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Matheusinho; Arthur (Everaldo, aos 18' do 2ºT), Felipe Azevedo (Iago Maidana, aos 26' do 2ºT) e Henrique Almeida (Carlos Alberto, aos 34' do 2ºT)
Técnico: Vagner Mancini

Gols: Felipe Azevedo, aos 33' do 1ºT (AME)
Cartões amarelos: Marlon (AME)

Motivo: 19ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Castelo do Dragão, Goiânia-GO
Data e horário: domingo, 24 de julho, às 18h
 
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Gasse (FIFA/SP) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos (FIFA/SP)

Compartilhe