Cruzeiro

CRUZEIRO

Com a chegada de Romero, Cruzeiro se torna o clube com mais jogadores estrangeiros na Série A

Ativo no mercado sul-americano, time chega à marca de seis gringos em seu plantel

postado em 03/02/2016 15:20 / atualizado em 03/02/2016 17:45

Paulo Filgueiras/Juarez Rodrigues/Rodrigo Clemente/EM
A Toca da Raposa abriu de vez as portas para novos sotaques nesta temporada. Recorrendo ativamente ao mercado sul-americano na janela de transferências, o Cruzeiro conquistou o posto de equipe da Série A com mais jogadores estrangeiros no elenco. Com o desembarque do argentino Lucas Romero em Belo Horizonte, nesta quarta-feira, o clube mineiro chega à marca de seis gringos em seu plantel.

A Raposa contratou recentemente os também hermanos Matías Pisano e Sánchez Miño, além do uruguaio Federico Gino. Vale destacar que, apesar de ter nascido em Uruguaiana-RS, o ex-jogador do Sporting-URU tem dupla cidadania, sendo a uruguaia a sua principal. Dessa forma, ele não entra para a cota de estrangeiros, segundo critérios adotados pela CBF na organização das competições. Além dos reforços para a temporada 2016, o Cruzeiro também conta com Ariel Cabral e De Arrascaeta, nascidos na Argentina e no Uruguai, respectivamente.

O time que mais chega perto do número de atletas estrangeiros do Cruzeiro é o São Paulo. O elenco do Tricolor Paulista possui cinco gringos: o chileno Eugenio Mena, os argentinos Calleri e Centurión, o uruguaio Lugano e o colombiano Wilder.

Na sequência, aparecem Atlético, Atlético-PR e Flamengo, todos com quatro estrangeiros no plantel. O Galo tem os argentinos Jesus Dátolo e Lucas Pratto, além dos equatorianos Frickson Erazo e Juan Cazares. O rubro-negro carioca possui os 'hermanos' Héctor Canteros e Federico Mancuello, o colombiano Gustavo Cuéllar e o peruano Paolo Guerrero. Já o Furacão dispõe do zagueiro chileno Vilches, do lateral português Pereirinha, do volante argentino Barrientos e do meia colombiano Hernández.

Confira a lista com os estrangeiros de cada clube da Série A:

América: sem estrangeiros.
Atlético: Frickson Erazo (EQU), Jesus Dátolo (ARG), Juan Cazares (EQU) e Lucas Pratto (ARG) – 4 estrangeiros.
Atlético-PR: Vilches (CHI), Bruno Pereirinha (POR), Fernando Barrientos (ARG) e Daniel Hernández (COL) – 4 estrangeiros.
Botafogo: Joel Carli (ARG), Gervásio Nuñez (ARG) e Damián Lizio (ARG) – 3 estrangeiros.
Chapecoense: Martín Alaníz (URU) – 1 estrangeiro.
Corinthians: Angel Romero (PAR), Stiven Mendoza (COL) e Gustavo Vieira (PAR) – 3 estrangeiros.
Coritiba: Luis Cáceres (PAR) – 1 estrangeiro.
Cruzeiro: Matías Pisano (ARG), Sánchez Miño (ARG), De Arrascaeta (URU), Ariel Cabral (ARG), Federico Gino (URU/BRA) e Lucas Romero (ARG) – 6 estrangeiros.
Figueirense: Júnior Fernández (PAR) – 1 estrangeiro.
Flamengo: Gustavo Cuéllar (COL), Héctor Canteros (ARG), Federico Mancuello (ARG), Paolo Guerrero (PER) – 4 estrangeiros.
Fluminense: sem estrangeiros.
Grêmio: Brian Rodríguez (URU) – 1 estrangeiro.
Internacional: Sem estrangeiros. Andrés D'Alessandro se transferiu para o River Plate (ARG)
Palmeiras: Agustín Allione (ARG), Lucas Barrios (ARG/PAR), Jonathan Cristaldo (ARG) – 3 estrangeiros.
Ponte Preta: sem estrangeiros.
Santa Cruz: sem estrangeiros.
Santos: Edwin Valencia (COL), Pato Rodríguez (ARG), Joel (CAM) – 3 estrangeiros.
São Paulo: Mena (CHI), Calleri (ARG), Lugano (URU), Wilder (COL) e Centurión (ARG) – 5 estrangeiros.
Sport: Reinaldo Lenis (COL), Mark Gonzalez (AFS/CHI), Henríquez Boca Negra (COL) – 2 estrangeiros.
Vitória: sem estrangeiros.




Texto com supervisão de Bruno Furtado

Tags: estrangeiros gringos reforços mercadobola seriea cruzeiro raposa