Thiago decide, Cruzeiro vence o Náutico e se afasta do Z4 da Série B

Atacante entrou no fim do jogo e marcou gol do triunfo celeste nos Aflitos

17/08/2021 20:50 / atualizado em 17/08/2021 21:49
compartilhe
Cruzeiro venceu Náutico com gol de Thiago no Estádio dos Aflitos
foto: Tiago Caldas/Náutico

Cruzeiro venceu Náutico com gol de Thiago no Estádio dos Aflitos

Depois de dois empates seguidos (Vitória e Sampaio Corrêa), o Cruzeiro bateu o Náutico por 1 a 0, nesta terça-feira, no Estádio dos Aflitos, no Recife, em Pernambuco, e voltou a somar três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro. O atacante Thiago marcou o único gol do jogo aos 37' do segundo tempo. 

Com o resultado, o Cruzeiro ganha duas posições na tabela. O time celeste é o novo 14° colocado, com 21 pontos em 19 jogos. Até o fim da rodada, a Raposa ainda poderá ser ultrapassada por Ponte Preta e Vila Nova. Primeiro time do Z4, o Londrina tem 16 pontos, mas enfrenta o Vasco nesta quarta, no Rio de Janeiro. 

Os mineiros agora retornam a Belo Horizonte, local da partida diante do Confiança, na próxima sexta-feira, às 21h30, no Mineirão. A expectativa é de que a partida marque o retorno dos torcedores celestes ao estádio depois de um ano e cinco meses. 

O jogo


Náutico e Cruzeiro protagonizaram um primeiro tempo de pouca inspiração nos Aflitos. Com muitos passes errados, o jogo acabou travado no meio-campo e com pouquíssimas chances de gols. Aos 19', Dudu fez boa jogada pela esquerda, cruzou para Bruno José, mas o atacante não conseguiu completar com sucesso uma tentativa de voleio.

Chamou atenção no tempo inicial o volume de reclamações, especialmente dos técnicos Hélio dos Anjos e Vanderlei Luxemburgo, e o alto número de faltas - 13 dos donos da casa e sete cometidas pelos mineiros. Djavan, do Náutico, e Adriano, do Cruzeiro, deixaram a primeira etapa com cartões amarelos.

A volta do intervalo não significou grandes mudanças no perfil do jogo. Ainda assim, muito em função do desgaste físico das equipes, os times encontraram mais espaços para encontrar chances. O Cruzeiro criou em maior número, mas teve pouca efetividade nas finalizações. Dudu e Claudinho, que entrou na etapa final, desperdiçaram boas oportunidades.

A insistência deu frutos ao Cruzeiro. Aos 37', minutos após entrar na vaga de Marcelo Moreno, o atacante Thiago aproveitou rebote da falta cobrada por Eduardo Brock e abriu o placar para o Cruzeiro. 1 a 0. Nos minutos finais, o time celeste teve maturidade para não sofrer contra-ataques e conseguiu a vitória sobre o Náutico. O time celeste somou três pontos após dois empates seguidos na Série B.



NÁUTICO 0X1 CRUZEIRO


Náutico
Jefferson; Hereda, Camutanga, Rafael Ribeiro, Rafinha; Djavan (Matheus Carvalho), Rhaldney (Taison), Jean Carlos; Iago Dias (Marciel), Caio Dantas (Paiva) e Vinícius. Técnico: Hélio dos Anjos.

Cruzeiro
Fábio; Norberto, Ramon, Eduardo Brock e Matheus Pereira; Adriano (Flávio), Rômulo e Giovanni (Claudinho); Dudu (Rafael Sobis), Bruno José (Wellington Nem) e Marcelo Moreno (Thiago). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Gol: Thiago (aos 37'2°T)
Cartões amarelos: Djavan (Náutico); Adriano (Cruzeiro)

Motivo: 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Local: Estádio dos Aflitos, no Recife (PE)
Data e horário: 17 de agosto de 2021 (terça-feira), às 19h
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Eduardo Goncalves da Cruz (MS) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO)

Compartilhe