Cruzeiro: Luxemburgo comenta atraso salarial e garante não abandonar o time

Treinador ainda convocou a torcida para o jogo deste domingo, contra o CSA

25/09/2021 14:58 / atualizado em 25/09/2021 16:12
compartilhe
Luxemburgo não afirmou que continuará em 2022
foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Luxemburgo não afirmou que continuará em 2022

O técnico Vanderlei Luxemburgo gravou um vídeo neste sábado esclarecendo sua posição sobre os  salários atrasados  no  Cruzeiro   e convocando a torcida para a partida contra o CSA, neste domingo, às 16h, no Independência, pela 26ª rodada da   Série B . O treinador disse que continuará cobrando a diretoria o pagamento dos vencimentos em dia e descartou que os jogadores estão se doando menos em função desta crise financeira.

"Óbvio que quando eu vim para cá, falei para pagar os salários, como foi pago, e continuar pagando em dia. Não estão em dia, como todo mundo sabe que não estão em dia, mas já conversei com os jogadores e em momento nenhum eles estão afrouxando por causa do salário, eles estão dentro do trabalho. Já conversei com jogadores e a diretoria, estamos indo em busca de uma solução. Eles sabem que eu estou insatisfeito , insatisfeito no sentido de que pagamento é feito para pagar, o empregador paga o empregado. Isso é uma coisa que é obrigação de ser feita", disse. 
Luxemburgo afirmou que não abandonará o Cruzeiro nesta temporada. Ele, contudo, não disse que tem pretensão de prosseguir após o fim do ano. "Eu não vou abandonar o Cruzeiro por causa disso, não é uma coisa que passa pela minha cabeça. 'Ah, eles não pagaram o salário, então vou embora e deixar o Cruzeiro do nada'. Não, não é isso, mas vou continuar cobrando aquilo que tem que cobrar, que o dirigente e um parceiro nosso, que tem se mostrado muito parceiro e, quando tem sido chamado para colaborar, ele colabora bastante, encontrem solução para que possamos colocar tudo em ordem como tem que ser numa empresa e no futebol".

"Só para deixar vocês tranquilos que começa a surgir: 'O Luxemburgo vai embora porque ele combinou sobre o salário...'. Não, uma coisa é combinar, vou continuar cobrando, porque está acontecendo, mas eu abandonar o Cruzeiro dentro de uma competição importante? Não vou fazer isso nunca, vou ficar até o final, cumprindo meus compromissos e cobrando aquilo que tem que ser cobrado: salário em dia para funcionários, atletas e comissão técnica, como tem que ser", acrescentou.

Luxemburgo disse que o objetivo continua sendo o acesso. Hoje, o Cruzeiro está na  13ª posição, com 31 pontos, a 13 do quarto colocado, o CRB . O treinador chamou o torcedor para o jogo contra o CSA, no Horto.  Ingresso ainda estão à venda . "Que fique claro que os jogadores têm se doado bastante, porque os resultados estão acontecendo, mas eu quero um pouco mais, aumentar este percentual, ganhar mais jogos. Agora, temos jogo difícil contra o CSA, mas a gente tem condição de fazer o resultado, vamos em busca deste resultado e nada está atrapalhando o nosso trabalho. Conto com vocês amanhã (domingo) no jogo, sendo o centroavante da nossa equipe".  

Compartilhe